urlvisit
SELFIE TAROT

Horóscopo: saiba as previsões do Tarot para esta semana (14 a 20 de junho)

Vera Xavier
LifeCoach & Tarot
Tarot

Veja as previsões do horóscopo para os diferentes signos, interpretadas por Vera Xavier LifeCoach & Tarot, para a semana de 14 a 20 de junho.

CARNEIRO - 2 de Espadas

Faça-se silêncio, o 2 de espadas é o seu regente esta semana.

Na imagem desta carta, a heroína está sentada, de olhos vendados, e com duas espadas enormes erguidas que lhe protegem os chakras do Poder Pessoal e o do Coração. 

Ela precisa silenciar o ruído à sua volta. Ela precisa de estar consigo. Ela precisa ouvir-se. 

Há quanto tempo não se ouve? Há quanto tempo não está consigo de corpo, mente, coração e alma? Pois é, mas o nosso amado Tarot pede que o faça. 

Quando estamos confusas/os, perdidas/os há que parar antes de, impulsivamente, tomarmos decisões baseadas nessas energias densas. 

Assim sendo, shiu, sossegue os seus ímpetos. 

Muito pranayama (exercícios de respiração) para que a mente se aquiete. 

Neste estado de alma tranquilo, use a consciência expandida para distinguir se, numa eventual tempestade, deve ou não fazer-lhe frente. Como sabemos, a mente adora distrações. As distrações, para além de nos desvitalizarem, tiram-nos do Caminho. 

Há que parar mesmo. 

Na saúde, a ansiedade pode estar ao rubro. 

Ela é muitas vezes o motor de arranque para problemas mais sérios. 

"A ansiedade e o medo envenenam o corpo e o espírito." Shaw

TOURO - A Força

"Um ser forte - mulher ou homem - não se deixa cair no papel de vítima, não sente pena de si próprio e não aponta o dedo aos outros. Eles endireitam as costas e lidam com os desafios."

Este Arcano maior diz que tem dentro de si toda a Força para vencer o que quer que atravesse no caminho. Como? Com autocontrolo. 

De todas as virtudes existentes, o autocontrolo é aquela que mais trabalho dá e que tanta falta faz. Com ele, conseguimos perceber o que é válido e o que é lixo. Com ele, nós paramos de reagir e passamos a agir. Qual é a diferença? A diferença é que quando reagimos estamos sob ataque - ou achamos que estamos. Quando estamos reativos, é o instinto que reage e o que é que o instinto faz? Protege-nos a todo o custo, a bem ou a mal… por norma, é a última. Porque reagimos? Porque a nossa autoestima é frágil e, por isso, consideramos as palavras e os atos dos outros como ofensas, quando nem sempre são. 

E quando o são, um ser com uma boa autoimagem, sorri e decide não ceder à tentação de descer a sua energia. Espetáculo!

Será que está a canalizá-la - a energia - da melhor forma e na melhor direção? 

Aprender a controlar os níveis de energia é fundamental, para que, quando realmente precisar, ela não lhe falte. 

Acha que vale a pena gastar a tão preciosa energia em disputas supérfluas e medições de força? 

O que temos em termos de caraterísticas menos solares que não gostamos em nós, só pode ser mudado através de um esforço extra vindo da nossa parte, claro.

O Tarot aconselha-a/o a guardar algum tempo do seu dia para se dedicar a si mesma/o. 

Trabalhe com a luz divina. Trabalhe com as cores. Envolva-se na cor/frequência que mais precisar e ligue-se à Fonte. Este exercício simples é maravilhoso.

GÉMEOS - 2 de Paus

"O silêncio é a minha maior tentação. As palavras, esse vício ocidental, estão gastas, envelhecidas, envilecidas. Fatigam, exasperam. E mentem, separam, ferem. Também apaziguam, é certo, mas é tão raro. Por cada palavra que chega até nós, ainda quente das entranhas do ser, quanta baba nos escorre em cima a fingir de música suprema. A plenitude do silêncio só os orientais a conhecem." (Eugénio de Andrade)

Esta semana poderá sentir que consegue conquistar tudo… mas, não lhe apetece. A questão é, porquê? O que a/o trava? Desânimo? Cansaço? Insegurança?

Qual é o alerta para este tipo de comportamento? Não se acomode a nada e não deixe que a desmotivação e a insatisfação toldem essas suas capacidades naturais.

A vida quer-se condimentada e esse condimento vem da luta pelos nossos sonhos e ideais. Arregace as mangas e lance-se ao trabalho.

Resumindo, esta semana consegue tudo. Atreva-se a querer mais.

CARANGUEJO - 9 de Ouros

"O mundo depois do nosso tem de ser melhor do que o nosso, porque caminhamos sobre ele. Se não pudermos ser um sol esplendoroso, contentemo-nos em ser um simples pirilampo. O importante é iluminar alguma coisa." (Roque Schneiden)

Saber viver é tornar cada momento, num momento especial. 

Saber viver é deixar que os sorrisos se espalhem e contagiem quem está à nossa volta. Saber viver é valorizar cada momento, independentemente do que se poderá passar daqui a dez minutos ou amanhã.

Esta lâmina pressagia o que poderá ser uma semana de bem-estar, harmonia e prazer, se assim o entender... claro. 

Uma maior vontade de socializar e partilhar conhecimento ou experiências vividas poderá levá-la/o a conhecer novas pessoas ou a tornar mais profundos os laços já existentes. 

Já chega de isolamento, verdade? Esperemos ter aprendido com esta experiência global a valorizar as "nossas pessoas". 

LEÃO - 2 de Ouros

"O bom humor espalha mais felicidade do que todas as riquezas do mundo. Vem do hábito de olhar para as coisas com esperança e de esperar o melhor e não o pior." (Alfred Montapert)

Não deixe que os pensamentos sérios ocupem exclusivamente a sua mente. 

Esta lâmina faz-lhe o convite para desfrutar das coisas simples da vida (que ainda são muitas) e pede-lhe que encare as dificuldades com mais descontração e, talvez, até um pouco de humor. De que vale ficar "carrancudo" o dia inteiro, a vida inteira? Vai resolver alguma coisa? Não, não vai…

O 2 de ouros pede-lhe, também, que seja um pouco mais flexível e saiba adaptar-se às novas situações que lhe forem apresentadas… Versatilidade poderá ser o seu grande trunfo nesta altura.

VIRGEM - O Eremita

Esta lâmina pede que preste especial atenção ao seu emocional. 

Ela pode indicar que se encontra algo esgotada/o neste "setor" e que, por isso, poderá não estar a funcionar a full power como devia. 

Talvez seja boa ideia tirar uns dias de descanso, o que lhe parece? Mais vale bater em retirada, momentaneamente, do que cair num estado de cansaço que a/o poderá levar a doenças. Não queremos isso. Queremos viver com qualidade. Para isso, temos que estar com atenção aos sinais que o corpo nos envia. 

Recomendo para esta fase estes Mantras (sons ou frases poderosas): "Eu não irei hesitar. Eu vou fazer o que preciso fazer"; "Eu vou aceitar o que não posso controlar"; "A cada inspiração e expiração eu torno-me mais calma/o e serena/o"; "Eu aceito-me como sou"; "Eu faço sempre o meu melhor."

Repita várias vezes ao dia, mas sinta cada palavra, cada intenção, pode ser? Vamos lá!

BALANÇA - 8 de Copas

"Não seja escravo do passado - mergulhe nos mares grandiosos, vá bem fundo e nade até bem longe; voltará com respeito por si mesmo, com um novo vigor, com uma experiência a mais, que vai explicar a anterior e superá-la." (Ralph Waldo Emerson)

A interiorização, a renúncia a crenças cristalizadas e comportamentos anacrónicos, levá-la/o-ão a um nível de consciência muito superior. 

O deixar para trás o "lixo" (traumas, dogmas, medos, complexos de inferioridade) que carregamos, tantas vezes, desde a infância (de outras vidas, até), não é tarefa fácil, porém, a nossa elevação espiritual requer sacrifícios - deixar para trás pessoas e situações que nos travam, o que não é nada fácil -, esforço, dedicação e trabalho. No entanto, vale a pena essa briga. 

O 8 de Copas diz-lhe que o chegar mais perto de Deus/a, da perfeição, da plenitude, depende unicamente de si.

ESCORPIÃO - 7 de Espadas

"Dedique ao menos metade das suas energias a livrar-se de desejos ocos, e, muito breve, verá que ao fazê-lo há de receber uma maior realização e mais felicidade." (Epiteto)

O Tarot, esta semana, recomenda-lhe que preste atenção aos seus ímpetos. Pense várias vezes antes de agir e meça as consequências desses mesmos atos. Não nos podemos esquecer de que tudo o que fazemos é registado lá em cima (eu realmente acredito nesta teoria). 

Não magoe as pessoas que lhe são próximas só porque a vida não está correr conforme planeado e, acima de tudo, respeite-as. 

Por vezes, acabamos por ferir as pessoas que mais amamos, o que é, de facto, profundamente injusto, não é? Racionalmente sabemos disto, mas fazemo-lo continuamente…

E, muitas vezes, essas atitudes e comportamentos nem parecem nossos, porém, a insegurança e todas as outras emoções mais baixas leva-nos a ter essas reações de que tanto nos arrependemos. 

SAGITÁRIO - A Lua

"O maior pedido de desculpas que eu devo é a mim mesma/o, porque me coloquei em situações que nunca deveria ter colocado."

Algum assunto deve ser mais aprofundado. O que ficou para trás que não ficou resolvido? Essa situação pode estar, ainda, a causar danos a si e à sua vida pessoal.

A Lua pede que esteja atenta/o, que explore mais as situações passadas, numa perspetiva terapêutica, e que escarafunche o mais possível, pois existe algo que poderá estar a escapar. 

Nunca se esqueça de que "pior cego é aquele que não quer ver", e isto acontece muitos nestes processos internos intensos. 

Seja algo recente, ou não, deve tratar e resolver, de forma clara. Fique em paz com a situação, senão, não fez o processo corretamente.

Esta lâmina indica, também, que deve buscar dentro de si uma maior vontade de se envolver com as coisas (de forma geral). Há que quebrar o marasmo e estabelecer novos objetivos se necessário. 

Resumindo, seja como Julien Green: "Admiro a terra, quero-a, sempre gostei dela. Sempre me senti feliz por estar vivo: apesar da guerra, das más notícias não sou capaz de matar em mim a simples alegria de viver." (Não é lindo?!)

CAPRICÓRNIO - 5 de Paus

"O carácter é a soma de milhares de pequenos esforços para viver de acordo com o que de melhor há em nós." (Alfred Montapert) 

São esses esforços que nos fazem destacar dos demais e nos fazem lidar com a "concorrência" de uma forma mais construtiva. A concorrência é precisa para nos tirar do automatismo! Pensamos de forma automática, daí que seja importante ouvirmos ideias fora da nossa caixa.

Alguma adversidade pode surgir no local de trabalho ou em casa entre a família. Então, não se esqueça das palavras de Alfred Montapert e não deixe de fazer os seus pequenos esforços. 

A resolução dessas situações vai demonstrar que, sempre que usa o equilíbrio, o bom senso e se empenha, tudo se resolve mais naturalmente. 

Se, pelo contrário, deixar-se levar pela onda energética, o que era uma pequena questão pode tornar-se uma avalanche. Nem sempre é fácil manter-se energeticamente limpo mas, com a prática, vai-se lá. 

Quando sentir que a tempestade está a invadi-la/o pense repetidamente na palavra Paz, ela faz milagres.

AQUÁRIO - 4 de Espadas

Casa, trabalho. Trabalho, casa. Esta é, na maioria das vezes, a rotina de muita gente, ficando sem tempo para aquilo que mais gostam de fazer. Passado algum tempo começa a chegar a desmotivação e o cansaço começa, também, a tomar conta do corpo e da mente. 

Porém, isto pode ser combatido com atividades extras. Com surpresas, com gestos bonitos.

Não se deixe consumir pelos hábitos do dia-a-dia. O verão está aí e o tempo já está a ajudar um bocadinho, por isso, aproveite os finais de tarde. Uma corridinha à beira-mar/rio/parque/jardim, uma cervejola ao pôr-do-sol… 

Ainda assim, esta semana, poderá sentir-se um pouco sem forças para a labuta diária. 

Se acha que a carga é demasiado grande, peça ajuda a alguém em quem confia. É melhor pedir ajuda do que perder o controlo da situação e chegar a uma situação de desgaste físico e mental que demoraria muito mais tempo a curar… Cuide de si, se faz favor!

PEIXES - 8 de Espadas

Só uma coisa torna um sonho impossível: o medo de fracassar… 

Quantos e quantos mestres já disseram estas palavras? Inúmeros. 

As barreiras, os condicionamentos e as restrições que colocamos a nós mesmos são incontáveis, uns mais óbvios, outros mais subtis. Estes últimos são os mais difíceis de identificar e de tratar. 

Todas estas condicionantes acabam por nos amarrar a uma vida que não queremos nem gostamos de viver, às vezes, cómoda outras vezes nem isso.

O 8 de Espadas pede que deixe de se preocupar tanto com o que os outros podem pensar de si. Isso é uma fuga! 

Viva o que lhe apetece viver, para variar. O que tem a perder?!

Por outro lado, esta lâmina fala em sentimentos reprimidos e/ou controlo excessivo das emoções. Sabe o que acontece a um copo que vem enchendo, enchendo, e um dia acaba por pum! 

"Todos nós vivemos devorados pela necessidade de ser amados, mas temos medo da insegurança de amar."  (Autor Desconhecido)