urlvisit

Nuno Markl chora morte: "Teve uma vida de aventuras feliz e cheia de afeto"

Nuno Markl na SELFIE
Nuno Markl aumenta a família
Vídeo: beijo na boca entre Nuno Markl e Bruno Nogueira leva fãs às lágrimas... de tanto rir
A reacção de Nuno Markl à polémica que envolve Sofia Ribeiro
A viagem de Nuno Markl à China

Através do Instagram, o radialista Nuno Markl mostrou-se de luto e partilhou um desabafo que está a emocionar os seguidores.

Nuno Markl está de luto, pela morte de mais uma "amiga de quatro patas", a Stitch. "E, assim, pela terceira vez no período de um ano, despeço-me de um cão da minha vida. Hoje, velhinha, com 17 anos, foi a Stitch. A Stitch veio para as minhas mãos em 2004, e o momento está imortalizado nestas imagens. Foi numa emissão de 'O Homem Que Mordeu o Cão TV', na TVI. Era o meu aniversário e, numa conspiração com a equipa do programa, a Ana Azinheira, produtora, deu-me esta bebé, filha da sua golden retriever e de um leão da Rodésia de um vizinho… e rejeitada pela mãe", começou por escrever o radialista, de 49 anos, na legenda de uma imagem antiga, na qual surge com a cadelinha.

"A Stitch era a cria destinada a não sobreviver. Com uma pata deformada e um corpo subdesenvolvido que contradizia a fusão de raças que lhe dera origem, era um pedaço de energia tão concentrado que decidiu contrariar expetativas e estatísticas. Viveu 17 anos em grande forma, superando doenças e mantendo-se voluntariosa, forte e carismática. Quando o meu primeiro casamento terminou, eu e a Anabela dividimos animais - ela ficou com a Stitch, que a seguia com uma devoção incomparável. Com a Anabela, a Stitch viveu no estrangeiro e tudo: de Benfica foi para o Canadá, brincou na neve, passou por Espanha e terminou os seus dias, de novo, em Benfica. Graças à Anabela, a Stitch teve uma vida de aventuras feliz e cheia de afeto", sublinhou Nuno Markl.

O comunicador continuou a recordar a personalidade da Stitch: "Lembro-me de nos levar à loucura, quando os seus dentes de agulha roíam os pés dos móveis. Está tudo perdoado. Foi um estágio antecipado para a Chiclete [outra 'amiga de quatro patas' de Nuno Markl], tantos anos depois. A sua personalidade foi tão marcante, que, muitas vezes, dou por mim a chamar Stitch à Chiclete."

"A Stitch chegou, hoje, ao fim desta viagem, pacificamente. Idosa, amada. Vai levar todos à loucura, no céu dos cães - e todos a vão adorar", completou.