urlvisit

Após mostrar-se de luto, Nuno Markl é alvo de "ódio": "Vou apagar as mensagens. Chama-se educação"

Nuno Markl na SELFIE
Nuno Markl aumenta a família
Vídeo: beijo na boca entre Nuno Markl e Bruno Nogueira leva fãs às lágrimas... de tanto rir
A viagem de Nuno Markl à China
A reacção de Nuno Markl à polémica que envolve Sofia Ribeiro

O radialista Nuno Markl prestou, no Instagram, uma homenagem emotiva e não escapou de algumas mensagens negativas.

Foi na passada sexta-feira, dia 10, que faleceu Jorge Sampaio, aos 81 anos. O antigo Presidente da República estava internado desde o dia 27 de agosto no Hospital de Santa Cruz, em Lisboa, com dificuldades respiratórias.

Nas redes sociais, multiplicaram-se as homenagens prestadas ao político, por figuras públicas de vários quadrantes.

Foi o caso de Nuno Markl. Num texto emotivo, o radialista mostrou-se de luto por esta perda e acabou por recordar um episódio pessoal que viveu com Jorge Sampaio: "Foi graças a ele que entrei no Palácio de Belém (num fim de tarde, em 2004) não como jornalista (como tantas vezes lá fui, no início de carreira, cobrindo conferências de imprensa), mas, já como humorista e radialista, como um dos 30 representantes da geração dos 30 anos do 25 de abril. Foi numa altura algo inquieta, para mim, a nível profissional, um daqueles momentos de dúvida sobre as minhas capacidades e o rumo que haveria de tomar. Lembro-me da carta da Presidência a chegar a casa da minha mãe, a anunciar que era um dos 30. Foi desconcertante e feliz."

"Tal como os outros 29, fui para casa com um aperto de mão firme, um discurso tocante e uma medalha - o corolário de um serão divertido, algo embaraçoso e caótico. [...] Atrapalhação minha à parte, foi das grandes honras da minha vida e algo com um significado pessoal muito para lá da honra pública. Grato, por isso, e por tudo", completou o radialista.

De imediato, na caixa de comentários da partilha, multiplicaram-se outras mensagens a louvar a vida e obra de Jorge Sampaio. Mas a publicação de Nuno Markl foi, igualmente, alvo de "ódio", algo a que o comunicador não ficou indiferente.

"Malta, vou apagar mensagens de ódio. Chama-se educação. Pensem o que pensarem sobre ele, não é a altura. Pelo menos, aqui. Lembrem-se de que a Internet é muito grande", afirmou Nuno Markl.

Veja, agora, algumas das melhores imagens de Nuno Markl, nas galerias de fotografias que preparámos para si.