EXCLUSIVO

Fernando Daniel fala sobre a carreira, o casamento e o desejo de ser pai

A SELFIE falou com Fernando Daniel para saber tudo sobre os últimos sucessos do cantor, bem como a relação com a namorada de longa data, Sara Vidal.

Nos últimos tempos, Fernando Daniel tem estado sob as luzes da ribalta, tendo sido, no passado mês de novembro, o artista mais votado pelos portugueses para Best Portuguese Act. O cantor português chegou a pisar o palco dos MTV EMAs 2019, ao lado de grandes artistas internacionais, vencendo o mais importante galardão da MTV em Portugal. Como tal, a SELFIE quis saber mais sobre a carreira do artista, sem esquecer os planos para o futuro, ao lado da namorada.

Venceu o mais importante galardão da MTV em Portugal, qual é a sensação de tamanha conquista?

É uma conquista fascinante. E é um orgulho ser o primeiro português a ir receber um prémio/menção no grande palco dos EMAs. No que depender de mim vou continuar a contribuir para a música em Portugal e a lutar por mais destaque lá fora.

Com quem mais gostava de fazer um dueto?

Portugal tem muito bons artistas e vozes incríveis e gostava de trabalhar com vários, mas para mim o mais importante é a alma com que a pessoa se entrega à música. Por isso, pode ser o artista mais famoso do nosso país ou um músico de rua... o resultado é o mais importante.

Qual das suas músicas é a mais especial?

Todas são especiais, cada uma à sua maneira...

A música serve de terapia para os momentos mais difíceis da vida?

Sempre serviu e continua a servir. E, conhecendo-me como conheço, vai sempre servir!

O casamento faz parte dos seus planos?

Faz mas não é, para mim, o mais importante.

Quem é o mais romântico, o Fernando ou a Sara [namorada]?

Sou eu, gosto muito de fazer surpresas... Já fiz mais do que atualmente faço, pois ultimamente não tenho tido muito tempo devido à agitação da minha carreira mas tento sempre compensar.

Ser pai também faz parte do futuro?

Sim, ser pai com a Sara para mim é mais importante do que casar. Para mim não é um papel que vai ditar que somos marido e mulher. Agimos como tal. Ter uma família e existir respeito, confiança e amor é o mais importante. Mas como é óbvio gostava muito de ver a Sara vestida de noiva. E ter um filho/a ou até vários a assistir a esse momento, acho que seria um inesquecível para eles e para nós. Se pensarmos bem não são muitas as pessoas que podem dizer que viram os pais casar. Se eu pudesse escolher, tinha visto os meus pais a casar.​