urlvisit

Pedro Teixeira: "Nunca me irão calar, nunca nos devemos calar sobre este tema"

Pedro Teixeira na Selfie
Sara Matos anuncia que está grávida de Pedro Teixeira
Em vídeo ternurento, filha de Cláudia Vieira e Pedro Teixeira canta para a irmã bebé
Pedro Teixeira e Sara Matos elegem a Madeira para férias românticas
Pedro Teixeira aproveita férias na neve com a filha

Numa altura que a comunidade LGBT tem sido tema na imprensa, Pedro Teixeira recorreu às redes sociais para se posicionar contra a intolerância e o preconceito.

"Infelizmente, ainda é necessário falar, falar e voltar a falar sobre direitos e liberdades individuais. Nunca me irão calar, nunca nos devemos calar sobre este tema", começou por escrever o ator, na legenda de uma imagem que mostra a bandeira LGBT.

"Enquanto pai, preciso que os meus filhos cresçam num mundo onde nos aceitamos uns aos outros, onde o amor será sempre a prioridade. Aproveito para dizer que não há espaço nesta página para intolerância e falta de empatia. Viva o Amor", continuou o ator.

Recorde-se que depois de a Hungria ter lançado uma lei considerada por muitos como discriminatória e intolerante face a questões relativas à orientação sexual, identidade e expressão de género, treze países da União Europeia endereçaram uma carta à Comissão Europeia, advogando o respeito pela comunidade LGBT. Portugal não foi um dos países que subscreveu a carta e a secretária de Estado dos Assuntos Europeus defendeu justificou que tal se deveu ao "dever de neutralidade" que tem no Conselho da UE.

Ainda que Pedro Teixeira não tenha retratado, de forma direta, o assunto em questão, este é o tema do momento, que tem feito correr tinta na imprensa.