urlvisit

Em lágrimas, Bárbara Guimarães recorda momentos duros: "Se não tivesse aqueles pirralhos que amo..."

Bárbara Guimarães na SELFIE
Bárbara Guimarães apoiada pelos colegas e amigos

Em conversa com João Baião e Diana Chaves, Bárbara Guimarães não conteve as lágrimas, ao recordar as duras batalhas que já travou, nomeadamente a luta contra um cancro.

Bárbara Guimarães travou uma dura batalha contra um cancro e, em entrevista no programa "Casa Feliz", recordou os momentos difíceis e falou sobre quem mais a apoiou: "Nunca sozinha. Família, amigos. É um processo em que não podemos estar sozinhos. Aqueles que cuidam são absolutamente essenciais, [...] aqueles que nos acompanham... É uma prova de superação para todos. Não sou só eu que tenho um cancro, somos todos."

"Eu não tenho de ser forte, eu tenho é de ouvir o meu corpo. [...] A batalha contigo própria só a vences quando percebes 'ok, o meu corpo não responde ao que a minha cabeça pede, vou respeitá-lo.' É duro", acrescentou.

Bárbara Guimarães revelou, ainda, as emoções pelas quais um doente oncológico passa: "Tens medo, tens revolta, tens temor, tens tudo."

Sobre o que mais lhe custou, a apresentadora garantiu: "Não foi a queda do cabelo, das sobrancelhas, das pestanas... Foi o cansaço."

Diana Chaves aproveitou para, enquanto mãe, procurar perceber como é que Bárbara Guimarães lidou com o sofrimento dos filhos que têm uma mãe a lutar pela vida. A apresentadora desfez-se em lágrimas e contou: "Se não tivesse aqueles dois pirralhos que eu amo..."

Quanto ao diagnóstico, Bárbara Guimarães confessou que protegeu os filhos de quase tudo, deixando que o "dia-a-dia" fosse revelando as fases da doença, nomeadamente, o momento em que decidiu rapar o cabelo.