Conta-me

Joana Barrios fala sobre o pai: "É uma figura inacreditável"

A atriz Joana Barrios teve uma conversa descontraída com Manuel Luís Goucha, no programa "Conta-me", e teceu rasgados elogios ao pai.

"É uma figura inacreditável". Foi assim que Joana Barrios começou por definir o pai, numa entrevista concedida a Manuel Luís Goucha.

Nessa conversa, a atriz, de 36 anos, recordou, ainda, como o pai e a mãe se conheceram: "O meu pai e a minha mãe conheceram-se numas Festas do Povo, em Campo Maior, em 1998. E eles eram os únicos solteiros desse jantar. Ficaram sentados um ao lado do outro. Ele gostou imenso dela. Aquilo eram as Festas do Povo, então, a noite não existe. Dorme-se só ali um bocadinho de manhã. Eu era miúda e a minha mãe, depois, foi-me buscar, para irmos passear pelas ruas e conhecer tudo."

"Esse senhor, que viria a ser o meu pai, foi acompanhar a minha mãe, para ela não ir sozinha. Disse-me que a minha mãe tinha falado muito sobre mim. Começámos os dois a conversar e adorámo-nos. Eu era mesmo uma miúda. A dada altura, disse-me que já tinha pedido, inúmeras vezes, o número de telefone à minha mãe, mas ela nunca dava. E eu dei-lhe o número. Passados dias, ele telefonou-lhe", acrescentou.

Joana Barrios recordou, ainda, a primeira impressão que teve do pai: "Gostei muito daquela pessoa, que é absolutamente fundamental."

A, também, chef falou, ainda, sobre o progenitor, que já faleceu e do qual Joana Barrios garante ter "imensas memórias".

Veja, agora, na íntegra, a entrevista concedida por Joana Barrios ao programa "Conta-me".

 

Relacionados