Mãe de Cristiano Ronaldo confessa a Cristina Ferreira: "Eu não queria o Cristiano"

Dolores Aveiro na Selfie
Dolores Aveiro de férias em Cabo Verde
Dolores Aveiro com os netos
Imagens da festa de aniversário dos filhos gémeos de Cristiano Ronaldo, Eva e Mateo

Dolores Aveiro protagoniza a próxima capa da revista Cristina. A apresentadora avançou que se tratou de uma conversa muito genuína com a mãe de Cristiano Ronaldo.

Já está nas bancas mais uma edição da revista de Cristina Ferreira, da qual Dolores Aveiro é a grande protagonista.

Foi através das redes sociais que Cristina Ferreira mostrou, em vídeo, um excerto desta conversa, gravada em Cannes. 

"Eu não queria o Cristiano. Foi o destino", confessa Dolores Aveiro, que, na altura, não tinha condições financeiras para criar o filho mais novo.

A matriarca da família Aveiro passou por muitas dificuldades, ao longo da vida, tendo perdido a mãe, aos 6 anos, e ido viver para um orfanato. 

"A minha mãe vivia do bordado, o meu pai sempre bebeu e não tinha responsabilidade... era uma vida mesmo de pobreza. Muitos vizinhos ajudavam a minha mãe com um prato de comida e, muitas vezes, acabava por dividir para todos e deitava-se sem comer. Morreu com 37 anos e deixou oito filhos", conta Dolores Aveiro, visivelmente emocionada.

Perder a mãe foi algo que marcou a vida de Dolores Aveiro para sempre, mas a madeirense nunca desistiu: "Mãe é mãe. Foi uma dor muito grande. Tinha seis anos, quando perdi a minha mãe, que deixou um filho com nove meses. [...] Fui a força que a minha mãe transmitiu, lutei ate ao fim e, hoje em dia, continuo a lutar."

Apesar de ter começado a trabalhar com o pai, quando tinha apenas 12 anos, Dolores Aveiro nunca teve uma boa relação com o progenitor: "Nunca tive um beijo ou um abraço do pai."