"Velha, devias estar morta": em direto, Lili Caneças responde a críticas

Lili Caneças na Selfie
Lili Caneças surge a cantar... e divide opiniões: veja o vídeo inesperado!
Em plena pandemia, Lili Caneças agradece a profissionais de restauração
Em quarentena, Lili Caneças faz algo que detesta: "E o impossível aconteceu..."
Ana Arrebentinha grava videoclipe de rap com Lili Caneças

Em conversa com Tânia Ribas de Oliveira, no programa "A Nossa Tarde", Lili Caneças deixou uma mensagem àqueles que, por vezes, criticam, gratuitamente, a socialite, através das redes sociais.

"Se não gostam de mim, não me sigam. Agora, estarem a insultar-me e a chamarem-me nomes e dizerem 'Velha, devias estar morta', não", disse Lili Caneças, acrescentando: "É velha no cartão de cidadão, mas de espírito é super jovem".

Lili Caneças afirmou, ainda, durante a videochamada, que não se importa que lhe chamem "velha". "Eu tenho uma teoria que é: quando não tenho nada de bom para dizer, estou calada. [...] Eu pretendo viver até aos 100 anos e quando essas pessoas me desejam a morte, se calhar vão ter chatices, e se calhar até vão antes", sublinhou a socialite.

Surpreendida com a situação, Tânia Ribas de Oliveira enviou uma mensagem de apoio a Lili Caneças: "A tua boa energia combate isso tudo!".

No final, Lili Caneças mostrou-se esperançosa e considerou que, depois de a pandemia passar, "as pessoas se vão tornar seres humanos mais solidários e atenciosos".