Encontrados destroços que podem pertencer ao avião de Emiliano Sala

Imagens tocantes: Cardiff e Nantes de mãos dadas por Sala
Imagens tocantes: Cardiff e Nantes de mãos dadas por Sala

A investigação britânica ao desaparecimento do avião que transportava o futebolista Emiliano Sala, de Nantes para Cardiff, revelou que foram encontrados destroços que deverão pertencer à avioneta.

As autoridades francesas confirmaram que encontraram dois assentos do avião que possivelmente transportava Emiliano Sala e que desapareceu no Canal da Mancha no passado dia 21 de janeiro.

Após a descoberta, as buscas oficiais serão, agora, retomadas.

O Air Accidents Investigation Branch (AAIB), órgão responsável pelas investigações de acidentes aéreos no Reino Unido, disse em comunicado: "Com base numa avaliação detalhada da trajetória de voo e na última posição do radar, identificamos agora uma área de busca prioritária de quatro milhas quadradas (13,7 km²). Contratámos uma máquina de pesquisa especializada para realizar pesquisas submarinas no fundo do mar".

Recorde-se que o jogador, de 28 anos, tinha sido recrutado ao Nantes pelo Cardiff por cerca de 17 milhões de euros e ia formalizar o contrato.