"Bati no fundo": Sean "Diddy" Combs quebra o silêncio, após polémica das agressões à ex-namorada

20 mai, 19:22

Num vídeo partilhado no Instagram, após terem sido divulgadas imagens captadas em 2016 de uma agressão do rapper à então namorada, Cassie Ventura, Sean "Diddy" Combs afirmou: "Bati no fundo."

O artista afirmou ainda que o comportamento foi "indesculpável", mas pediu "imensa desculpa".

O rapper, de 54 anos, acrescentou: "É tão difícil refletir sobre os momentos mais negros da nossa vida, mas às vezes temos de o fazer. Eu estava lixado - atingi o fundo do poço - mas não tenho desculpas. O meu comportamento naquele vídeo é indesculpável. Assumo total responsabilidade pelas minhas ações naquele vídeo. Fiquei enojado, na altura em que o fiz. Agora, estou enojado. Fui e procurei ajuda profissional. Comecei a fazer terapia e a ir para a reabilitação."

No final, o rapper garantiu que está "empenhado em ser um homem melhor todos os dias".

Recorde-se que foi divulgado pela CNN um vídeo do rapper a agredir a cantora Cassie Ventura, com quem mantinha uma relação à data dos acontecimentos, em março de 2016.

No ano passado, Cassie Ventura apresentou uma queixa contra Sean "Diddy" Combs, no qual acusa o rapper de violação e abuso físico, de que a cantora alega ter sido alvo durante anos.

VEJA MAIS

Patrocinados