urlvisit

Pai de Meghan Markle pede ajuda à rainha Isabel II para se reaproximar da filha

Meghan Markle faz aparição surpresa nos British Fashion Awards
Michelle Obama deixa conselho a Meghan Markle
Devido a gravidez de Meghan Markle, príncipe Harry faz viagem sozinho
Kate Middleton e Meghan Markle voltam a coincidir na escolha do look

O pai de Meghan Markle apelou à rainha Isabel II para que o ajude a reaproximar-se da filha, mulher do príncipe Harry.

Foi após a polémica na véspera do casamento real, em maio, que a ex-atriz terá cortado relações com o pai que vem agora dizer que está há meses sem contacto com a filha.

Recorde-se que, Thomas Markle, ex-diretor de iluminação de novelas e séries norte-americanas, foi acusado de ter combinado umas fotos com um paparazzo e de as ter vendido a um jornal, o que o levou a desistir de comparecer à cerimónia. Na altura, Thomas alegou que a ausência se devia a uma cirurgia cardíaca.

Agora, após ter enviado repetidas mensagens de texto, sem resposta, Thomas apelou à solidariedade da avó do príncipe Harry, numa entrevista ao "Good Morning Britain": "Eu agradeceria qualquer coisa que ela possa fazer, e imagino que ela gostasse de resolver os problemas da família".

Triste por ir passar o Natal sem a companhia da filha e por esta não lhe ter sequer enviado um postal de Boas Festas, Thomas acrescentou: "Todas as famílias, reais ou não, são as mesmas, e certamente deveriam todas estar juntas nas festas de fim de ano".

Ainda assim, Thomas espera conseguir reatar o relacionamento com a filha e deixou um apelo: "Por favor, procura-me".

Meghan e Harry esperam o primeiro filho na Primavera de 2019 e o pai da duquesa de Sussex deseja muito vir a conhecer o neto. "Ela será uma ótima mãe", garantiu Thomas Markle.

Veja o vídeo com a entrevista ao pai de Meghan Markle.