Conta-me

Sara Pinto faz desabafo sobre guerra na Ucrânia: "Chorei do início ao fim"

A jornalista Sara Pinto teve uma conversa com Maria Cerqueira Gomes, no programa "Conta-me", e partilhou um desabafo sobre a guerra na Ucrânia.

Sara Pinto foi a protagonista da emissão deste sábado, dia 26, do programa "Conta-me". Numa conversa emotiva, a jornalista, de 35 anos, falou sobre um tema incontornável, neste momento, para a maior parte dos jornalistas: a guerra que deflagrou, na Ucrânia, no passado dia 24 de fevereiro.

Nesta entrevista, com Maria Cerqueira Gomes, Sara Pinto destacou um episódio que a comoveu, particularmente: o ataque à maternidade da cidade de Mariupol.

"Estava de folga nesse dia, era o José Alberto Carvalho quem estava a fazer o jornal. Eu estava em casa a ver o jornal e chorei do início ao fim. Fiquei na dúvida de como é que reagiria se fosse eu a estar ali, a fazer o jornal", começou por afirmar a profissional de informação.

"Consegui identificar-me com aquelas mulheres grávidas que estavam em trabalho de parto e que estavam a ser bombardeadas, ao mesmo tempo. Consegui colocar-me no lugar delas e foi horrível. E sinto muito mais isso agora, depois de ter sido mãe", refletiu, ainda.

Recorde-se que Sara Pinto é mãe de um menino, Vasco, e está grávida, novamente.

Veja, agora, na íntegra, a entrevista de Sara Pinto, no programa "Conta-me".

Relacionados