urlvisit

Príncipe Harry lamenta deixar funções na família real: "Não havia outra opção"

Harry e Meghan ficam de fora. Perdem título real e não recebem dinheiro público
Harry e Meghan deixa de ser "altezas reais" e devolvem quase 3 milhões
"Megxit". Quando se começaram a afastar Harry e Meghan da família real?
Príncipe Harry faz primeira aparição pública após anúncio de afastamento
Príncipe Harry participa em primeiro evento oficial após MegExit

No primeiro discurso público após o anúncio de que deixará as funções na família real, o príncipe Harry lamentou ter de tomar esta decisão.

"Esperávamos continuar a servir a Rainha, mas, infelizmente, isso não foi possível", disse o marido de Meghan Markle, naquele que foi o primeiro discurso público após o casal ter decidido abandonar as funções de "membros sénior" da realeza para se tornarem "financeiramente independentes".

"Isso traz-me uma profunda tristeza", acrescentou o neto da  rainha Isabel II, que pediu aos britânicos que compreendessem a decisão, que, segundo ele, foi tomada para que tivesse "uma vida mais pacífica".

"Quero que conheçam a verdade sobre mim, o que eu puder partilhar, não como príncipe, duque, mas como Harry: a mesma pessoa que viram crescer nos últimos 35 anos, mas com uma perspectiva mais clara", afirmou, antes de sublinhar: "O Reino Unido é minha casa e o lugar que amo. Isso nunca vai mudar. Eu cresci a sentir o vosso apoio e vi como receberam a Meghan de braços abertos ao ver-me encontrar o amor e a felicidade que eu esperava. Finalmente, o segundo filho de Diana foi 'apanhado'! Viva! Sei que vocês me conhecem suficientemente para acreditarem e confiarem que a mulher que escolhi como esposa tem os mesmos valores que eu. É a mulher por quem me apaixonei. Nós fazemos de tudo para 'hastear' a bandeira e cumprir os nossos papéis com orgulho. Quando eu e a Meghan casámos, ficámos empolgados, esperançosos, e estávamos aqui para vos servir."

"A decisão que tomei de eu e a minha esposa recuarmos não foi tomada de ânimo leve.  Foram muitos meses de conversas depois de tantos anos de desafios. E eu sei que nem sempre fiz bem as coisas, mas no que diz respeito a isto, realmente não havia outra opção. O que eu quero deixar claro é que não estamos a ir embora, certamente que não", continuou o filho mais novo do príncipe Carlos.

No final, o pai de Archie reiterou: "Afastei-me da minha família e de tudo o que já conheci para dar um passo à frente e espero conseguir ter uma vida mais pacífica. Mas é uma honra servir a rainha e o meu país."

Assista, agora, ao discurso do príncipe Harry, num evento da associação de caridade Sentebale, no restaurante The Ivy Chelsea Garden, em Londres.