urlvisit

Maria Vieira critica discurso de Rui Maria Pêgo: "Parece ser uma coisa muito racista"

Rui Maria Pêgo na Selfie
"A tua mãe deve ficar triste com as tuas figuras": Rui Maria Pêgo é criticado e responde à letra!
Rui Maria Pêgo abre o seu coração a Fátima Lopes
Maria Vieira na Selfie
Rui Maria Pêgo é o convidado de Fátima Lopes no próximo "Conta-me Como És"

Foi nas redes sociais que Maria Vieira atacou o filho de Júlia Pinheiro, Rui Maria Pêgo, depois de o jovem locutor se ter manifestado sobre o racismo e o famoso movimento "Black Lives Matter".

"Este disse outro dia que 'Nós, brancos, não sabemos nada!'. Que ele reconheça ser um branco que não sabe nada, ainda vá lá que não vá, toda a gente, com cérebro, já deu conta disso mesmo, sobretudo tendo em conta a quantidade de disparates parecidos com este, que, de vez quando, ele debita nas redes sociais", começou por escrever a eterna "parrachita".

"Mas acusar um grupo de pessoas de não saberem nada, só por causa da cor da pele dessas mesmas pessoas, para além de ser uma coisa muito estúpida para se dizer, também me parece ser uma coisa muito racista para ser dita", criticou.

"Imaginem que este rapazola se lembrava de dizer que os pretos não sabem nada, ou que as mulheres não sabem nada, ou até que os homossexuais como ele não sabem nada! Depois disso, o que é que os pretos, as mulheres e os homossexuais diriam sobre este rapazola? Vá lá miúdo, não desistas, diz mais coisas, diz mais coisas, que é pra gente se rir com as coisas que tu dizes..." terminou.

Com esta critica, Maria Viera referia-se às seguintes palavras do radialista, partilhadas, recentemente, nas redes sociais: "Nós, brancos, não sabemos nada. É tempo de sair da frente, partilhar o nosso lugar de fala - que dura há quantos séculos já? - para ajudar a mudar o discurso e a expor o indizível - o racismo em Portugal não é ficção. Existe. E Mata. E Afasta. E Dificulta. E Inibe."

"Este é o momento para ajudar na mudança. E, sim, Black Lives Matter. Mais do que todas as outras agora. Finalmente", concluiu o animdor.