Ricardo Quaresma responde a André Ventura: "Nunca ninguém me vai calar"

Ricardo Quaresma na SELFIE
Ricardo Quaresma mostra o filho a jogar futebol: "Tem a quem sair"
Patrícia Matos: «Entrevistámos o Quaresma numa casa de banho»
Ricardo Quaresma partilha imagens inéditas para assinalar aniversário do filho Ricardo
Ricardo Quaresma visita crianças no IPO do Porto

Ricardo Quaresma voltou a reagir às declarações de André Ventura, num live chat com a jornalista Patrícia Matos.

Ricardo Quaresma falou sobre a polémica recente com André Ventura, depois de o líder do Chega ter afirmado que considerava "lamentável que um jogador da seleção nacional se envolva em política", depois de o futebolista ter feito uma publicação nas redes sociais, após o político ter proposto medidas de confinamento especiais para a comunidade cigana.

"Por acaso, vi a resposta do senhor André Ventura. Sinceramente, não percebi. Por ele dizer que os jogadores não devem meter-se na política. Ele não pode esquecer que ficou conhecido por defender o clube dele, ficou conhecido por falar de futebol", afirmou o futebolista, referindo-se ao facto de André Ventura ser comentador futebolístico.

Quaresma afirmou, ainda, que não quer "dar mais canal ao senhor André Ventura", antes de salientar: "Independentemente de seres rico ou pobre, de seres famoso ou não, de seres preto, cigano ou branco, somos todos iguais. Além disso, eu pago impostos em Portugal, por isso, sou um cidadão que também tem direito a dar opinião. Nunca ninguém me vai calar. Nem ele nem ninguém! Esse tema está fechado, quero é que acabe essa parte dos racismos. Para mim é difícil ouvir esses comentários. Tenho um pai que é cigano, uma mãe que é africana. Não vou alimentar mais esta situação."

Ao lado da mulher, Daphne, o jogador recordou, igualmente, como se conheceram e desvendou o que pretende fazer quando pendurar as chuteiras.

Veja, agora, a entrevista, na íntegra.