Ricardo Tomé: "Melhor feito do que perfeito"

OPINIÃO
Ricardo Tomé
Diretor Coordenador da Media Capital Digital
Tatiana Figueiredo e Ricardo Tomé

A velha máxima tem sido repetida vezes sem conta nos últimos anos a propósito de uma lógica interativa e incremental espoletada pelo ecossistema digital.

Longe vão os tempos da elaboração meticulosa e pensada ao detalhe – qual modelo Kubrick para os Media – para lançamento do jornal ou revista ou canal de TV. Se no redesenho de uma publicação em papel a obrigatoriedade é lógica e num novo desenho tudo muda, na web cedo percebemos que as mudanças bruscas, abruptas, transversais que abalam com os hábitos e rotinas são sem dúvida e não raras vezes motivo de afastamento dos utilizadores. Nem sempre novo é para nós melhor.

Daqui foi emergindo uma lógica, impulsionada pela descoberta do meio digital, de que é sempre melhor fazer, testar, medir, corrigir e relançar, do que longos períodos de reflexão interna e lançamento posterior, com difícil reajuste rápido (esse sim, crítico).

Isto tudo vem a propósito deste espaço. Este mesmo. Chamado SELFIE. Este onde esperamos continue regressando diariamente e sempre com a melhor experiência, descobrindo o conteúdo de entretenimento de social, moda e lifestyle que mais se ajusta à sua curiosidade e descoberta pessoal para se divertir, entreter e informar.

Desde há muito que um velho mentor me partilhou os três vetores de um projeto editorial: produto, distribuição, promoção.

Quando pensámos na SELFIE pensámos, no entanto, num outro: você, que está aí desse lado. E o que são hoje os novos hábitos? O que somos nós Media Capital, TVI, Rádios, Plural? Como podemos juntar o que melhor sabemos fazer – conteúdos – ao que desse lado procura diariamente?

Deixando de lado as equações interessante no labor, mas mais técnicas em redor da Distribuição e da Promoção, ao nível do produto, esta marca SELFIE foi apadrinhada por todos na nossa ‘casa’ – marketing, televisão, comercial, técnica, editorial. SELFIE é, para nós, intimista. São histórias sem makeup. Cara a cara. Tantas vezes contadas na primeira pessoa. Proximidade com os protagonistas e muitos deles os nossos, da nossa ‘casa’, que é sua, também, que os ouve todos os dias pela manhã na rádio e vê na TV, das notícias ao entretenimento e à ficção.

A marca estava criada. O produto, ao longo do último ano e meio, vai tomando forma. Fazendo-se pelo que se faz. Testando-se. Pondo-se à prova. Medindo-se. Seja com o feedback das audiências no website, do Facebook e Instagram ou pela nossa inbox de mail e do Messenger.

Better done than perfect. Vamos crescendo a fazer, fazendo. Vamos melhorando, fazendo. E vamos trazer novidades muito em breve.

Lançada e conquistada a primeira etapa, hoje a SELFIE é de entre as publicações do setor de social uma das três marcas mais lidas no online. Mas porque no primeiro vetor dos três (Produto) queremos inovar e chegar mais longe, vamos surpreender neste novo ciclo, acreditamos. E se aqui e ali falharmos, não faz mal. Pois que afinaremos rápido e alinharemos pelo caminho certo logo no instante a seguir. Percebemos que neste último ano e meio está connosco e desde já o nosso "Obrigado!". Juntos, exploramos o mundo em busca do que nos diverte e nos inspira.

Melhor feito do que perfeito. Que a perfeição faz-se fazendo. As novidades seguem dentro de momentos pelas mãos e o talento desta equipa.