urlvisit
SELFIE TAROT

Horóscopo: saiba o que lhe reserva o Tarot para esta semana (9 a 15 de agosto)

Vera Xavier
LifeCoach & Tarot
Redação
Tarot

Veja as previsões do horóscopo para os diferentes signos, interpretadas por Vera Xavier LifeCoach & Tarot, para a semana de 9 a 15 de agosto.

CARNEIRO - O Sol

"As boas pessoas despertam o melhor de nós."

Assim sendo, será que não devemos ser mais criteriosos nas nossas relações?

O Sol, Arcano de grande impacto, pede que veja a vida de uma outra forma, de um outro prisma, e ponha em perspetiva aquilo que está a viver.

Não se foque no pequeno, no detalhe, mas na questão maior.

O que é que a/o preocupa? Quais são as suas ansiedades?

Encontre o "problema" e, depois, foque-se na solução.

"A questão é esta, agora, como vou resolvê-la?" Eis a sua poderosa mensagem para esta semana.

Carregamos às costas tudo e todos e quando damos por nós estamos desvitalizados e, às vezes, até, doentes. Esquecemo-nos de nós… como é possível?!

O Sol pede e inspira-a/o a despertar. Nutra a alegria, o otimismo, a confiança, a bravura, características que são suas! Acredite que a vida ainda tem muito para lhe trazer… sim, de positivo.

TOURO - Ás de Copas

"O silêncio é um grande auxílio para quem, como eu, está em busca da Verdade." (Mahatma Gandhi)

Consciente ou inconscientemente, todos… não, quase todos… espera, não, uma boa parte de nós… espera, alguns de nós - ok, está melhor - buscamos a verdade.

Uns acham que a verdade é material, outros já sabem que não é, e, aí, começa a demanda do Santo Graal e do processo alquímico de cada um - que é tão lindo!

O Ás de Copas - o Arcano do Amor - pode indicar o início deste processo, sabendo nós que, ele só se inicia quando encontramos, finalmente, o amor por nós próprios. O processo não inicia enquanto tivermos sentimentos menores no nosso coração e pensamentos nefastos na nossa mente.

Ninguém se eleva - em termos pessoais/espirituais, enquanto se mantiver preso a raivas, ódios, vinganças, insegurança, desconfianças, etc.

O caminho é longo, por isso, é impossível carregar todo este peso.

Não percebemos que estes sentimentos são autênticas âncoras que fazem, precisamente, isso: prendem-nos à materialidade, ao mundo mais denso e mais pesado.

Porém, a nossa missão é, acima de tudo, libertar-nos!

Sabendo que a liberdade é irmã da responsabilidade.

Em cada passo do seu quotidiano, em cada pessoa e circunstância, veja o melhor e não o pior. "Ah, as pessoas já me magoaram!" Sim, algumas sim, e o que vai fazer a respeito? Vai fechar-se e tornar-se um eremita? Não, vai insistir no amor, pode ser? Não desista da Luz.

GÉMEOS - Pajem de Espadas

"Acerte em tudo que puder acertar, mas não se torture com seus erros." (Paulo Coelho)

Ora, esta atitude é bem característica dos queridos geminianos, verdade? (Quem me acompanha nos lives do Instagram já conhece a minha expressão facial quando digo isto, não é? "Verdade, minhas almas bonitas?!" e faço cara de malandra)

O que eles - os geminianos - se torturam com os erros do passado e do presente, irra! Eles não percebem que perdem um montão de energia com este comportamento, que, pode, até, levá-los a ter uma postura instável. Qualquer pequeno obstáculo - real ou imaginário - leva-os a mudar de ideias e de planos, de imediato. Isso é, extremamente, desgastante, para eles e para quem os acompanha. Nem todos têm, ou querem ter, ou conseguem ter, o mesmo ritmo frenético de um mercuriano desassossegado.

Pois é… Bom, o Pajem de Espadas pode indicar mais do mesmo, ou seja, ansiedade, nervosismo, necessidade de mudar o mundo, sem passar por si primeiro.

É tão bom termos esta vontade de mudar o que pudermos na Terra, contudo, este processo começa internamente.

Queremos um mundo mais tranquilo? Pergunte-se se existe esta calma em si.

Quer um mundo mais tolerante? Sinta se essa paciência existe em si.

Tudo aquilo que não tolera no mundo tem que ser mudado em si primeiro, é justo, não é?

Pede o Tarot que reaprenda a dialogar, a partilhar, a demonstrar e a dar em harmonia e sem esperar retorno, pode ser?

CARANGUEJO - 10 de Paus

"Se o mundo é mesmo parecido com o que vejo, prefiro acreditar no mundo do meu modo. Espera, estavas a querer voar, mas como chegarás às nuvens com os pés no chão?" (Renato Russo)

Isto é tão típico destes "Peter Pan"! Se não gostam do que vêm, criam outra realidade. A questão é que a realidade é mais forte do que a imaginação e quando encaram os factos como eles são, ficam magoados e perdidos.

Nem percebem bem o que se passa, porque lá na Neverland nada disto acontecia, tudo era perfeito, ninguém fazia mal a ninguém, afinal, eram todos puros!

O Tarot pergunta: entre a Neverland e a realidade 3D (terceira dimensão - a material) deve haver um patamar intermédio harmonioso, não deve? Sim, é o patamar da paz de espírito e da consciência tranquila. O nosso objetivo deveria ser o de conquistar este estágio. É fazível, sim!

O 10 de Paus indica que, com o peso das responsabilidades, das preocupações, da ansiedade, dos medos, das culpas, não consegue sequer levantar os pés do chão quanto mais voar! Não se pode viver assim. Não queira viver assim!

Dê o primeiro passo e, depois, deixe a vida acontecer. Liberte-se!

Não tem saudades de voar?

LEÃO - 4 de Copas

"Perdoa-te por tudo aquilo que tu ainda não sabias. Não tinhas como saber. Esta sabedoria vem com a experiência e a experiência vem das lições." (VX)

Esta é a carta da apatia, do desânimo, da área cinzenta em que, de vez em quando, nos deixamos envolver. E que consequências tem isto na nossa vida?

Pode ter várias, mas a mais lógica é a perda do tal entusiasmo e da bravura.

Este é um Arcano de desistência… e nós não somos desistentes!

Bem, se desistimos de algo que não nos fazia mal, então, está bem; se desistimos de algo que está a ser difícil mas que vale a pena, estamos mal.

Queremos as coisas de mão beijada, sem esforço, sem luta, quando as verdadeiras conquistas são suadas e, tantas vezes, penosas. Ah e tal, mas a vida podia dar umas tréguas!", concordo. Mas se não der? Temos de continuar, certo? Certo!

Bom, vamos lá, o Tarot pede que saia dessa vibração parda e venha cá para fora para o sol! Saia da sua torre e deixe o astro-rei invadi-la/o e torná-la/o ainda mais bonita/o! Sorria, porque, apesar de tudo, a sua vida vale muito a pena.

VIRGEM - O Carro

Vitórias, Vitórias! É o que se quer!

Nem sempre as ditas cujas vêm conforme idealizamos, verdade?

Às vezes, é preciso voltarmo-nos de costas, de cabeça para baixo, para percebermos que são, de facto, vitórias. As vitórias são, por vezes, sobre nós mesmos e essas são as mais importantes. Hoje e sempre, limando as nossas arestas.

Ao sublimarmos alguns comportamentos, ao quebrarmos padrões.

Quando vencemos uma tentação, devemos alegrar-nos e vangloriar-nos, verdade? Claro que sim.

O Carro indica também, movimento na nossa vida.

Algo vai mudar. Vá, não feche o chakra do coração por causa do medo! Abra os braços e receba o que vêm aí para si - nós! E nada de pensamentos do género: "Estou farta/o de mudar e de mudanças, de tentar, de esperar..."

Nada de se deixar abater pelo cansaço ou pelas mágoas, sabe porquê? Porque quem perde é você! Lembra-se do "reclame" das peúgas "CD"? "Com CD, quem ganha é você!" Lembra-se? Então, calce a peúga e chute para a frente!

Vou repetir-me: o tempo é precioso e está a passar!

BALANÇA - Cavaleiro de Copas

Ao contrário do Cavaleiro de Espadas e de Paus, o Cavaleiro de Copas não tem a vibração frenética, bem pelo contrário. Ele anda, calmamente, para a frente, mostrando a sua (pelo menos, aparente) calma, segurança e paz interior.

Por outro lado, sendo do naipe de Copas, ele é algo apegado às emoções - o que pode ou não ser positivo. Depende das emoções. Como sabemos, há emoções elevadas e outras bem rasteirinhas. É aqui que, talvez, resida o segredo do bem-estar: em que emoções vibramos nós? Essa vibração vai dar o mote à sua vida. Vibra na Luz ou nas trevas?

O Tarot traz-lhe, esta semana, um convite para viver o lado mais poético, romântico e sonhador da vida. Deixe de ponderar tudo até ao ínfimo pormenor e experimente seguir os seus impulsos e aquelas ideias meio loucas que surgem na sua mente, aqueles sonhos que nunca permitiu que se desenvolvessem.

Experimente esse lado mais espontâneo da vida; cuidado com a hipersensibilidade que tantas feridas cria. Eu sei que digo isto muitas vezes e vou continuar a dizer: a vida não se uniu para a/o tramar! Tantas vezes, somos nós que criamos estas "teias" completamente ilusórias.

ESCORPIÃO - Pajem de Ouros

"Um negócio que não produz nada além de dinheiro é um negócio pobre." (Henry Ford)

É como uma mente que se move apenas com o objetivo de fazer dinheiro, não é? De facto, pobre é a vida de quem apenas contempla o lado material. Pobre é o espírito que se prende, exclusivamente, na obtenção de bens terrenos e se esquece da sua própria evolução, tanto intelectual como espiritual. Pobre é aquele que coloca de parte as emoções e tudo o que tenha a ver com a busca da verdadeira essência da felicidade e do amor. Essa será, sem dúvida, uma pessoa infeliz.

O Pajem de Ouros vem trazer-lhe a energia necessária para avançar com os projetos que tem em mãos, mas, não só os profissionais. Os outros, aqueles que a/o fazem sorrir, também e principalmente.

 A vida terrena é um puzzle em que as várias áreas de vida fazem parte do todo.

Sim, temos de pagar as despesas, claro que sim! Porém, não estamos nesta vida só para isso, não concorda? E o resto? E as pessoas? E a cumplicidade nas relações? E as gargalhadas?

Há tempo para tudo, alma bonita, é uma questão de organização.

Consegue, sim!

SAGITÁRIO - A Papisa

Vivemos numa época em que a maioria das pessoas se abandonou.

Perderam a esperança em si, no futuro e em tudo o que não é palpável. Quais ratinhos na roda, aqui andamos nós no mais do mesmo.

Também se chama a isto viver?!

A maioria das pessoas perdeu a fé de encontrar o bem-estar e, por isso mesmo, decidiu contentar-se com o que tem.

Será que estas pessoas põem em causa o seu próprio merecimento? Será que acham que já não têm tempo, nem direito, de se sentirem preenchidas e em harmonia?

Qual será a explicação? Por que razão alguém decide se acomodar e ficar num emprego que não a satisfaz? Por que razão se decide ficar com alguém que não a respeita? É o medo da solidão? É o medo de arriscar? O que é que nos trava e encrava?!

Há quem use outras razões e os filhos são, sem dúvida, os mais usados. "Não posso largar tudo, tenho filhos!" Claro, tem razão, com filhos, a responsabilidade é maior, mas, ainda assim, as mudanças não têm que ser radicais. Pode mudar o que quiser, à velocidade que conseguir! Comece por mudar o que pensa sobre si mesma/o e ponha, de uma vez por todas, na sua mente que tem o direito a ser feliz! Não aconselho saltos no escuro, aconselho um movimento pensado e sereno.

CAPRICÓRNIO - 4 de Paus

"Não confies nos teus medos, eles não imaginam a força que tens!"

O medo é a maior causa pela qual o ser humano não se liberta, verdadeiramente. Temos tudo para o podermos fazer, mas, preferimos continuar com a venda a tapar os olhos… mas a alma vê.

Preferimos continuar dependentes de outras pessoas (seja emocional ou financeiramente), fingindo que é normal. Pois, essa é a postura de um ser comum, contudo, os tempos mudaram. A liberdade está aí para ser vivida!

A questão é que, se tivermos alguém que nos "conduza", alguém que decida por nós, alguém que nos diga que decisão tomar, aí, não precisamos de assumir responsabilidades, verdade? Deixamos nos outros essa tarefa, deixamos em mãos alheias o nosso futuro, o nosso crescimento… ou não.

Para quê pensar, decidir, se alguém o pode fazer por nós? Para quê libertar-me se, assim, alguém tomará conta de mim? Pois é, esta pode ser uma postura confortável, mas não é. Um dia, mais tarde ou mais cedo, vamos perceber que não é, e aí, vamos pedir responsabilidades, vamos, até, culpar os outros, porque não fomos felizes… Sabe porquê? Porque só nós sabemos o que é melhor para nós.

O Tarot pede-lhe que não protele mais e que tome as rédeas da sua vida.

Quando provar o doce sabor da verdadeira liberdade, não vai querer outra coisa.

AQUÁRIO - 9 de Espadas

"Aquele que tem medo vai sofrer… bom, na verdade sofre porque tem medos."

Porque será que temos tão pouca compaixão e tolerância connosco? Cada vez que erramos, a reação mais comum é enxovalhar-nos, chamar-nos todos os nomes possíveis e imaginários! Mas, agora, veja a coisa por outro prisma: quando o seu melhor amigo erra, por muito frontal que seja, não a/o vai tratar mal nem vai ser agressivo, nem lhe vai chamar nomes, pois não? Quando um amigo está em baixo porque perdeu algo ou porque errou, vamos animá-lo, verdade? Então, porque é que não fazemos o mesmo connosco?!

Não deveríamos ser o nosso melhor amigo?! Devíamos!

Ao nos tratarmos dessa forma, nós mesmos acabamos por abrir brechas no nosso campo energético e psíquico e atraímos pessoas que nos vão fazer o mesmo! Pois, se nós não nos respeitamos, é evidente que os outros vão sentir isso e abusar! Alguma dúvida disto? Não, pois não?

O Tarot pede-lhe que seja benevolente e gentil consigo mesma/o.

Este é um princípio básico para que possamos viver em equilíbrio e em paz.

Repita, para si mesmo/a várias, vezes ao dia: "Que eu seja forte, mas que, também, me permita vulnerabilizar."

Somos humanos e é normal que, durante a caminhada, cometamos erros.

Continue mais madura/o.

PEIXES - Rainha de Espadas

Nos momentos mais delicados da vida, enfrentamos os verdadeiros "testes", aqueles que nos mostram quem somos e do que somos capazes.

Contudo, a cada embate, o coração vai partir-se ou endurece um pouco mais.

Vamo-nos fechando… fechando… até silenciarmos, por completo, a sua voz cândida, confiando apenas no intelecto para nos guiar. Grande erro, já que, "as verdades descobertas pela inteligência são estéreis. Apenas o coração é capaz de fecundar os seus sonhos", como disse Anatole France.

O ideal seria usar mente e coração em uníssono - chama-se a esta união "consciência". Mas isto nem sempre é fácil de conseguir pelos emocionais Peixinhos…

Vamos lá a encontrar um equilíbrio? Vamos!

Toda a gente tem o direito de errar, quase que temos o dever de errar!

Não se recrimine! Não se desvalorize, por favor!

Concentre-se na construção do amanhã e deixe o passado em paz.

****

As dicas para o Amor estão no Instagram.

Nesta fase delicada que vivemos, todos temos muitas incógnitas e a dúvida é danada! O Tarot pode ajudar a encontrar os melhores caminhos e soluções. Faça a sua consulta à distância no Tarot de Ísis By Vera Xavier.