urlvisit
SELFIE TAROT

Horóscopo: saiba as previsões do Tarot para esta semana (4 - 9 de janeiro)

Vera Xavier
LifeCoach & Tarot
Signos

Vera Xavier LifeCoach & Tarot dá-lhe a conhecer as previsões dos signos, para a semana de 4 a 9 de janeiro.

Carneiro - O Mágico

Esta lâmina convida, eu diria que, até, exorta à ação. Estamos num momento muito propício para assumir as rédeas da nossa vida! Não deixe que os outros decidam por si, o que quer que seja!

Uma coisa é ouvir conselhos - todos precisamos -, outra é deixar que outros decidam ou vivam a nossa vida.
Seja a nível profissional, ou no campo amoroso, tome uma decisão. Mas tome-a com amor, bom-senso e equilíbrio! Ouça o seu coração, medite, porque as respostas de que precisa virão, aliás, o mais provável é já saber muito bem aquilo que deve fazer, mas o pouco tempo que temos para nós não nos permite ouvirmo-nos…

Só falta mesmo coragem para enfrentar o que quer que esteja a incomodar. Serão obstáculos? Serão opiniões contraditórias? Não receie, dentro de si, tem todos os dons para vingar nesta vida, tem todas as armas de que precisa. Contudo, lembre-se de que a serenidade alicerça os passos dados e coroa os grandes feitos.

Touro - A Justiça
 
Ainda está muito a tempo de fazer um balanço da sua vida. Está feliz? Sente-se realizada/o? E o que é que pode fazer para melhorar a sua passagem cá na Terra? Já aprendeu tudo? O que gostaria de fazer que ainda não fez? E se começasse a planear esse sonho?
 
Não vá por aquele caminho tortuoso e muito comum, onde nos olhamos ao espelho, apontamos o dedo e desfiamos todos os eventuais erros que possamos ter cometido ou que pensamos que nos caracterizam. Não! Esse processo não é construtivo, pelo contrário. O que se pretende é que olhe para o seu interior e pergunte a si mesma/o o que pode fazer para se sentir mais plena/o.
 
Cá vai o clichê, mas só quando se amar - ou, pelo menos, se respeitar - e se permitir ser feliz é que poderá partilhá-la com os que a/o cercam.

Então, com muita calma, com muito amor próprio, prepare-se para mais um ano e faça deste ano um tempo de realização e crescimento profissional, pessoal e espiritual. Ao contrário do que muita gente diz, nós podemos ter tudo, ou, pelo menos, podemos tentar, certo?

Somos nós que criamos limites e barreiras, do tipo: bom, sou bom profissional, é natural que o amor não corra bem! Estou contente no amor, é por isso que os negócios não avançam! Asneira! Grande asneira! Nós podemos sentir-nos realizados em várias áreas! Espero ter sido suficientemente instigadora.

Gémeos - Cavaleiro de Espadas
 
Este Cavaleiro alerta que, esta semana, poderá viver momentos tensos ou, até, de alguma confusão.
No trabalho, ou na vida pessoal, evite os conflitos e suavize essa sua típica impulsividade, para que não se magoe, nem aos outros. A mania que nós temos de ferir quem mais gostamos, canecos!
 
Deixe que os outros vejam o quão é generosa/o! Deixe que eles saibam o quão os ama, o quão se preocupa, o quão eles são importantes para si! Mostre, agora, porque nós não sabemos se teremos um amanhã. Não estou a prever nada, mas pode acontecer. Como disse uma senhora muito conhecida da nossa sociedade, "estar vivo é o contrário de estar morto."
 
Este Cavaleiro avoado traz, também, a força necessária para ultrapassar obstáculos e vencer batalhas que estão pendentes.

O segredo está na medida certa dessa força, desse ímpeto. É necessário encontrar, primeiro, o seu centro e, depois, então, avançar para o confronto, que deve ser leal e franco! Só as vitórias justas poderão contribuir para a nossa evolução… e para que durmamos melhor, à noite.
 
Caranguejo - 6 de Ouros

Esta semana, poderá reinar um ambiente mais harmonioso. E porquê? Porque poderão surgir momentos em que vai compreender, ainda, melhor que a satisfação de dar e receber nos traz melhores relacionamentos, logo, uma vida mais serena, de uma forma geral.

O Tarot aconselha a que viva mais essa generosidade que tanto a/o caracteriza. Dê ajuda, dê amor, dê, dê… o Universo, agradece e retribui! Mas, atenção, amorosos filhos da Luna, é dar e receber! Só dar ou só receber desequilibra qualquer relação. Equilíbrio!
 
No trabalho, em particular, poderá, também, viver um clima mais tranquilo. Sabe que muito depende de nós mesmos, certo? Temos de viver com as circunstâncias e condições atuais. Ajuda, também, acreditar um pouco mais em si, portanto, não anule! Defenda as suas crenças e ideias, respeitando, sempre, as ideias dos outros que também podem ser... vá… razoáveis.
 
Leão - 8 de Copas
 
O 8 de Copas fala de uma maior comunicação com o Alto, com a Luz Suprema, com Deus/a. Sabe que tem um canal direto de comunicação com o pessoal mais chegado ao Big Boss, não sabe?

Nunca se sinta só, porque nunca o estamos. Podemos, até, estar isolados, mas Eles estão, lá em cima, a zelar por nós. Não são Eles que se afastam de nós, somos nós que nos afastamos deles. Ora, pense lá bem, se não é verdade. Quando nos envolvemos no desespero, no ódio, na inveja e outras que tais, a nossa frequência vibratória baixa, logo, afastamo-nos dos seres de Luz. Criamos um novelo e, ali, permanecemos, perdendo tempo precioso.

Faz sentido, não faz? Pois, então, permita que a sua Fé se mantenha intacta, porque é nos momentos de desafio que ela é testada… e falhamos, tantas vezes!
 
Assim sendo, envolva-se em amor, tolerância e empatia. Que essas emoções a/o guiem, hoje e sempre.
 
As mudanças internas e externas que estas consciencializações nos trazem são incríveis e elas trazem, também, um crescimento pessoal/espiritual notável. E nem se lembre de deixar o medo dominar! Ele está lá, mas apenas como um aliado que nos pede prudência, apenas isso.

Resumindo e baralhando. Não está só nesta caminhada e, por muito que, às vezes, seja difícil manter-se no trilho, não se desvie, peça ajuda aos Amparadores/Anjos, para que a/o acompanhem nesta viagem. Crescer não é fácil, mas é preciso!
 
Virgem - 3 de Paus
 
Temos como arcano do ano O Mágico (sim, vou escrever as previsões anuais e, sim, eu sei que já deviam estar escritas!). Pois bem, parece que, esta semana, o 3 de Paus reforça essa energia de para a frente é que é caminho!
 
Estão favorecidos os começos ou recomeços. Tudo o que tiver a ver com planeamento de projetos, sejam profissionais ou pessoais, é para avançar. Poderá sentir-se mais motivada/o e mais empreendedor/a - excelente! - por isso, aproveite a boa "onda" e arregace as mangas, mas seja organizada/o. Nós, virginianos, temos fama de sermos perfecionistas, mas isso nem sempre corresponde à realidade, verdade?! Vera?

Os nossos sonhos precisam de ser realizados! Vivemos uma fase desafiante e atípica, é certo, mas podemos, sempre, fazer algo mais, nem que seja esquematizar o que temos de fazer. Durante essa construção, lenta ou rápida, aceite os conselhos e ajudas dos que estão próximos, mas decida por si. Não por orgulho - que é um sentimento imaturo e destituído de… tudo. Só nos isola mais e mais! Mas porque é preciso sentir o que faz, ressonância connosco. O que nos acalenta a alma.
 
No amor, poderá - se permitir - iniciar um relacionamento ou aprofundar o atual. Porquê? Porque já se apercebeu que há razões e situações que são, apenas, tontas e pueris! Pois é, uma relação nunca é perfeita, porque nós não somos perfeitos, não é? E as relações demoram tempo e requerem muita paciência, tolerância e empatia, até atingirem um patamar estável.
 
Balança -  4 de Ouros
 
Esta lâmina faz uma referência especial aos bens materiais. Compreende-se, começaram os saldos! E não é nenhum pecado, porque não existe o pecado, existe o excesso. Portanto, apenas deverá ter atenção, para não desequilibrar as suas finanças, porque daí poderá advir ansiedade. Então, tento na carteira.

Mesmo que sinta vontade em mostrar o seu amor aos seus com presentes materiais, veja se não fará mais sentido outro tipo de oferendas?
 
O 4 de Ouros também nos pode falar num dos maiores flagelos que enfrentamos nesta altura: o isolamento. Há ferramentas que ajudam a manter a sanidade mental. Escolha a sua: mindfulness (na meditação, tem inúmeras técnicas que pode escolher, umas mais acessíveis, outras nem por isso. A meditação é um processo que demora tempo, é uma conquista, dia a dia, e ninguém, mas mesmo ninguém, fecha os olhos e começa a meditar. Isso não é verdade. Fazer jogos 'mind games' intelectualmente estimulantes; ouvir música com qualidade; voltar a estudar; fazer caminhadas longas… Escolha a sua, mas não ceda à depressão, por favor! Por si e pelos seus.
 
Escorpião - 2 de Espadas
 
Esta semana, poderá sentir-se tenso. Será que está cansada/o? Será que precisa de parar e reorganizar as suas prioridades? Isso pode levar a que o ambiente esteja mais tenso…

O que fazer? Respire fundo, as vezes que forem precisas, e, com calma, exponha ideias, defenda pontos de vista, contudo - e muito importante -, respeite as diferenças que nos separam, mas que, também, enriquecem as nossas vidas.
 
No amor, também poderá viver um clima semelhante de tensão. Se, por acaso, lhe assaltarem dúvidas, não se precipite… Pense e compreenda se essas situações são circunstanciais ou estruturais. Há uma enorme diferença entre ambas. As diferenças estruturais, sejam elas de valores ou características pessoais, podem não ter solução. E lá diz o ditado, se não tem remédio, remediado está. Vamos tentar não empatar a vida? Vamos!
 
Sagitário - 5 de Copas
 
Às vezes, desesperados, pensamos que nada mais nos poderá acontecer. Ora, este tipo de pensamentos é de abandonar, por duas razões relativamente simples: a primeira é que, ao pensarmos assim, de forma derrotista, atraímos mais dificuldades e obstáculos; a segunda é que, com este tipo de pensamentos, acabamos por nos convencer de que, realmente, não somos capazes nem merecedores. Em termos psicológicos, esta questão do não merecimento é bastante complexa. Se ouvimos, na infância, que não éramos capazes, isso arrasta-se connosco, quais elos com bolas de ferro que eram usados pelos prisioneiros na Antiguidade.
 
Vamos lá ao clichê: não podemos mudar a nossa história, mas ela pode ser bem usada. Podemos quebrar padrões de comportamento familiares ancestrais. Ou seja, se os nossos pais nos disseram frases traumáticas é evidente que nós não vamos perpetuar esse comportamento e aplicá-lo à nossa prol, certo? Se um dos nossos ascendentes era alcoólico ou tinha qualquer outra dependência, não vamos enveredar pelo mesmo caminho. Isso é tão, tão lógico, mas sabemos que não representa a realidade. Vamos quebrar estas condutas que são quase instintivas e mecânicas? Bora lá!
 
Capricórnio
- Rainha de Paus
 
A Rainha de Fogo é uma mulher com um M bem grande. Ela é confiante, porque se conhece, porque sabe até onde pode ir, até onde pode esticar a sua 'corda'. Ela pára antes! Ela respeita-se. Reconhece-se neste estereotipo? Ela não desiste no primeiro ou no segundo 'não', mas sabe parar, quando percebe que determinação é diferente de obstinação. Ela não desmoraliza e, muito importante, não passa por cima de ninguém, para conseguir atingir o seu objetivo, mas, também, não é tonta, e, por isso, não deixa que se aproveitem dela.
 
Então, esta semana, esta energia e, até, influência estará mais acentuada nos nativos de Capricórnio. Sim, senhor, se se sentir mais energética/o, mais empreendedor/a, corajosa/o, não se admire! Aproveite para dar um passo em frente, mesmo não sabendo ou não tendo a certeza de para onde vai. O movimento é necessário na vida. O que é que acontece a águas paradas? Pois! Vamos lá, may the force be with you!

Entretanto, não se esqueça de socializar, mesmo que virtualmente. Sim, porque todo a/o guerreira/o precisa de descanso, de desanuviar e de estar com quem mais gosta. É aí que recuperarmos o ânimo.

 Aquário - 3 de Espadas

Existe tanta coisa que poderá partir em pedaços o frágil coração de um ser humano: palavras, gestos, atitudes, indiferença... A falta de empatia e intolerância são, a meu ver, um dos grandes flagelos da humanidade.
 
O 3 de Espadas tem muitas faces, mas nenhuma delas é particularmente fácil, visto que ela pode indicar tristeza. Este Arcano fala em feridas, eventos que poderão deixar cicatrizes, se os tentarmos suprimir e esquecer, em vez de os curarmos com todo o amor e respeito por nós mesmos.
 
Eu não diria que é a maioria, mas uma boa parte da humanidade é, por natureza,  orgulhosa e faz tudo o que estiver ao seu alcance para não demonstrar fraqueza - depois, temos o outro lado do espectro, que só conhece e vive na dor real, ou nem por isso. Talvez por uma questão de orgulho preferimos envergar uma armadura, a mais dura e fechada que encontramos no mercado! 

Por que é que temos que fingir que está tudo bem? Por que é que não conseguimos viver de forma natural e simples? Estou triste? Ok, choro. Estou feliz? Ok, sorrio.

Há quem use o argumento: "Não quero maçar quem está à minha volta com os meus problemas." Mas, então, para que servem os amigos e a família? Não me diga que só servem para as festas e para partilhar os momentos de satisfação? Não, não é. Partilha é uma partilha total.
 
O conselho que o Tarot lhe traz, esta semana, é que procure estar com as pessoas que lhe trazem paz e bem-estar e que, até, podem não ser as pessoas do costume. Aliás, nessas alturas aparece gente muito bonita na nossa vida, tantas vezes, de forma inesperada. É na adversidade que encontramos aquelas raras pessoas que nos perguntam, com sinceridade, como estamos e que, depois, até, ficam à espera de ouvir a resposta!

Peixes - Rei de Paus

"Não escolhemos a forma do nosso destino, mas podemos dar-lhe conteúdo. O que procura a aventura encontrá-la-á, na medida da sua coragem. O que procura o sacrifício, será sacrificado, na medida da sua pureza." (Dag Hammarkskjod)

Quando é que deixámos de estar apaixonados pela vida? Quando éramos mais novos, fazíamos - no geral -  tudo com ânimo e vontade. Afinal, muitos de nós, somos heróis de um livro de aventuras que ficou por escrever… Algo aconteceu no caminho e a nossa vontade de mudar o mundo perdeu-se, tal como a energia que punhamos nos desafios que enfrentávamos. Agora, a mente começa a entrar em ação, a dizer coisas como: "Foram as quedas da vida que me derrubaram!" ou "As pessoas não merecem o meu amor!", ou, ainda, algo do género, "Já estou farta/o de lutar!"
 
Ora, quem é que não teve desafios na vida?!  Claro que há pessoas com uma vida mais facilitada do que outras, mas isso não quer dizer que não sofram, não chorem e não se desesperem!
 
Sartre disse: "Todos os homens têm medo. Quem não tem medo não é normal e isso nada tem a ver com a coragem."
 
O Rei de Paus vem dar-lhe o empurrãozinho de que precisa para tomar determinadas decisões que têm vindo a ser adiadas há algum tempo. Esteja atenta/o a novas ideias que vão surgindo, mesmo aquelas aparentemente estapafúrdias. Elas podem ser o início de algo muito positivo. Esta lâmina é um catalisador de mudanças que pareciam impossíveis noutras alturas, portanto, confie serenamente.