Nacional

António Costa condecora Telma Monteiro, "estrela que guia" o judo português

O primeiro-ministro António Costa condecorou, este sábado, dia 17, Telma Monteiro, a "estrela que guia" o judo português, com uma medalha de mérito desportivo.

Com Lusa
Telma Monteiro
Telma Monteiro

"É um motivo de grande orgulho, um exemplo extraordinário e um momento alto do judo nacional. Já tivemos medalhas e há perspetivas de mais. Significa que o judo cresceu e há, sempre, uma estrela que guia os outros todos. Neste caso, é a Telma Monteiro, um exemplo extraordinário em Portugal, na Europa e no mundo", afirmou António Costa aos jornalistas.

Na cerimónia, que teve lugar na Altice Arena, em Lisboa, onde estão a decorrer, até ao próximo domingo, dia 18, os Europeus de judo, o governante agradeceu à judoca "pela forma como tem prestigiado Portugal e honrado os portugueses", realçando que o maior mérito de Telma Monteiro "é o que está no coração de todos os portugueses".

"Esta medalha de mérito desportivo tem a ver com a carreira, com toda a vida da Telma Monteiro e tudo o que tem dado a Portugal e aos portugueses. Tivemos a felicidade de ver associada a esta entrega da medalha de mérito desportivo mais uma medalha de ouro, a sexta, neste campeonato", sublinhou, referindo-se à sexta medalha de ouro conquistada por Telma Monteiro, em Europeus de judo.

António Costa lamentou a ausência de público no pavilhão, sobretudo na consagração de Telma Monteiro, que merecia "um aplauso ao vivo", mas destacou que esse aplauso se fez ouvir "pelo país todo".

A atleta, que representa o Benfica, prometeu, durante o discurso, que, "enquanto estiver a lutar", vai fazê-lo, "para honrar, ao máximo, a bandeira e continuar a conquistar muitas medalhas para Portugal", apontando ao "sonho adiado" de vencer nos Jogos Olímpicos.

Relacionados