urlvisit

Jorge Gabriel sobre morte de Tony Lemos: "Os pais nunca deveriam ver os filhos partir"

Jorge Gabriel e Tony Lemos

Jorge Gabriel foi ao velório do músico Tony Lemos, um dos fundadores da banda Santamaria.

"Fui despedir-me do Tony Lemos", começou por contar Jorge Gabriel, que esteve no velório do músico.

"Pais destroçados - os pais nunca deveriam ver os filhos partir -, mulher em cacos, banda órfã da alma dos Santamaria, amigos incrédulos", descreveu o apresentador, que prestou a última homenagem ao músico, de 48 anos, que foi encontrado morto, no passado dia 13.

"Que tamanho desespero pode levar alguém a não descobrir uma solução no meio do desespero? Para os que julgam o mundo do show bizz apenas um rol de luxos e prazeres, 2020 trouxe-nos dois exemplos de uma faceta humana que pode atingir qualquer um, em estados de depressão sem retorno", alertou Jorge Gabriel, na publicação que fez no Instagram, referindo-se à morte do ator Pedro Lima.

"Descansa em paz", rematou o apresentador, que disponibilizou, ainda, o contacto da linha de apoio emocional e prevenção do suicídio.

Caso esteja a sofrer de algum problema psicológico, tenha pensamentos autodestrutivos ou sinta necessidade de desabafar, deverá recorrer a um psiquiatra, psicólogo ou clínico geral, podendo, ainda, contactar uma das seguintes entidades:

- Conversa Amiga (entre as 15h e as 22h) - 808 237 327 (número gratuito) e 210 027 159

- SOS Voz Amiga (entre as 16h e as 24h) - 213 544 545

- Telefone da Amizade (entre as 16h e as 23h) – 228 323 535

- Telefone da Esperança (entre as 20h e as 23h) - 222 030 707

- SOS Estudante (entre as 20h e a 1h) - 239 484 020