Crónicas

"O medo de tentar" por Joana Silva, fundadora da Conscious

Na primeira pessoa, Joana Silva, empresária e fundadora da Conscious, fala sobre o percurso até criar a própria marca e como foi desconstruindo os medos e receios iniciais.

Fundadora da Conscious
  • 16 mar, 11:07
Joana Silva
Joana Silva

Escrevo, ainda, de coração cheio com a onda de apoio gerada à minha entrevista com a Vanessa Martins. Saber que há tanta gente que nos vê e se identifica com os mesmos desafios acaba por tornar o nosso propósito mais válido: estamos todos no mesmo caminho.

Nem todos nascemos para ser empresários. Tal como nem todos nascemos para ser pais ou atletas de alta competição. Mas a verdade é que, a cada desafio que abraçamos na vida, uma nova porta se abre para um mar infinito de possibilidades. Mas também de preocupações. A maior parte de nós vai saber navegar. A diferença está em se será com mais ou menos dificuldades.

O medo de tentar. O vilão que muitas vezes nos impede de começar alguma coisa. Mas que quando desconstruído, ponto a ponto, deixa de fazer sentido. No início, quando fiz o business plan para a CONSCIOUS e cheguei ao montante que precisava de investir para começar, meti tudo em cima da mesa. Qual é o pior cenário? Para mim, o pior cenário, na altura, era não recuperar o dinheiro investido. Ok... então e se isso acontecer? Se isso acontecer fico sem poupanças. Ok... e se isso acontecer? Vou ter de começar de novo. E a verdade é que eu já tinha ficado sem poupanças antes. Quando comprei o meu primeiro carro, quando construí a minha casa ou para fazer uma viagem que queria muito. E, depois, comecei do zero. E ficou tudo bem. Desconstrui o meu medo e segui em frente com o plano. Temos todos medo de falhar, mas se isso nos impedir de começar, nunca vamos alcançar os nossos objetivos.

Sou fiel à ideia de que, todos os dias, devemos fazer algo que nos aproxime do no nosso sonho. Nem que seja um passo pequenino, mas se todos os dias caminharmos nessa direção não há como não chegar lá. Seja enviar um email, tomar uma decisão ou fazer um post no Instagram. Todos dias há algo que podemos fazer pelos nossos projetos (ou o que quer que seja que queiramos realizar).

Numa altura em que tudo o que vemos nas redes sociais parece um overnight sucess, é preciso relembrar que tudo o que hoje é grande já foi um dia pequeno e que nasceu de uma ideia de alguém, que não parou de trabalhar até alcançar o que queria.

Joana Silva
Fundadora da Conscious

Relacionados