urlvisit

Sara Norte: "Cheguei a desejar que me levassem para perto da nossa mãe"

Redação Selfie
Sara Norte na Selfie
Sara Norte de "coração cheio": descubra porquê

Um ano após a morte da irmã, Sara Norte recorreu às redes sociais para deixar um desabafo que comoveu os seguidores.

Através de uma publicação na página de Instagram, Sara Norte recordou a irmã que morreu precocemente, há, precisamente, um ano.

"Faz esta manhã um ano em que o meu mundo desabou e recebi a notícia que tinhas partido. Só quem passa por uma perda destas sabe a dor que se sente e o quão difícil é. A verdade é que a Beatriz continua muito presente na vida de todos nós, porque ela era realmente uma menina muito especial e que marcou a vida de quem teve a sorte de se cruzar com ela", começou por escrever.

"Sempre me considerei uma mulher forte, mas, para ser franca, nos primeiros tempos sem ela, cheguei a pensar que não conseguiria ultrapassar isto tudo, cheguei a desejar que me levassem para perto dela e da nossa mãe, mas tive o apoio da minha família e amigos que me deram todo o amor do mundo e, apesar da dor ainda estar cá, comecei a não me sentir mal por viver a vida, por sorrir...", disse.

"E estou cá, mas não há dia que passe que não pense na Beatriz, nos olhos grandes dela, na gargalhada... E um dia ainda vou conseguir recordá-la com um sorriso. Fazes tanta falta, Beatriz", completou, assim, o testemunho que não deixou os fãs indiferentes.

Recorde-se que Beatriz e Sara Norte eram irmãs pela parte da mãe. Beatriz morreu, aos 14 anos, vítima de leucemia. Carla Lupi também morreu vítima de uma doença oncológica, nomeadamente, um cancro no pulmão, em 2012.