No Instagram

Como era Nuno Markl há mais de 20 anos? Radialista reage a "tesourinho": "Não há uma coisa que esteja bem no meu corpo"

Eduardo Madeira partilhou, no Instagram, um "tesourinho" de há cerca de duas décadas. Na imagem antiga, o humorista posa ao lado de Nuno Markl.

Este domingo, dia 13, assinala-se o Dia Mundial da Rádio, uma data que foi destacada por algumas figuras públicas, nas redes sociais.

Foi o caso de Eduardo Madeira. No Instagram, o humorista, de 49 anos, recordou o percurso nas "ondas do éter". "Trabalhei na Rádio Comercial, na TSF e na Antena 1, onde tive programas ('Caixilhos e Laminados', 'Não Há Dinheiro, Não Há Palhaços', etc.) e escrevi para programas ('Conversa da Treta', 'Cromos TSF', etc.)", começou por assinalar Eduardo Madeira. 

"Mas creio que este momento em que, através da rubrica 'O Homem Que Mordeu o Cão', do incontornável Nuno Markl, se deu a conhecer ao mundo os Cebola Mol [projeto musical de Eduardo Madeira e Filipe Homem Fonseca] continua a ser, para mim, o pináculo da minha relação com a telefonia. Viva a telefonia!", exclamou o ator, na legenda de um "tesourinho" de há mais de 20 anos, no qual se pode ver Eduardo Madeira, Nuno Markl, Pedro Ribeiro, Filipe Homem Fonseca e Maria de Vasconcelos.

Nuno Markl não se mostrou indiferente a esta partilha. "Não há uma coisa que esteja bem no meu corpo, nessa foto. Do cabelo às calças, passando pela camisola, pelos óculos e pela barba. Parece que alguém me atirou várias coisas para cima e lá ficaram como caíram", afirmou o radialista, em tom de brincadeira, na caixa de comentários.

Veja, agora, a imagem partilhada por Eduardo Madeira, na galeria de fotografias que preparámos para si.

Relacionados