urlvisit

Catarina Furtado indignada: "Que triste fico. Incompreensível"

Catarina Furtado declama poema
Catarina Furtado adere ao movimento "Vermelho em Belém" com apelo emotivo
Catarina Furtado na SELFIE
Ousada, Catarina Furtado faz furor na gala dos Emmys 2018
As férias paradisíacas de Catarina Furtado

A apresentadora Catarina Furtado mostrou-se revoltada, nas redes sociais, deixando uma reflexão emotiva sobre a discriminação racial.

Através do Instagram, Catarina Furtado assinalou o Dia Mundial da Poesia e o Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial.

"Ontem [domingo, dia 21 de março], foi Dia Mundial da Poesia e Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial. Há dias que são todos os dias. Não me sinto atrasada, porque atrasada está a mentalidade de um mundo gigante de pessoas", começou por desabafar a apresentadora, de 48 anos.

"Que triste fico. Que indignada. Incompreensível. Decidi juntar os dois dias e recorri ao poeta e professor português António Gedeão. Deixo a partilha", completou Catarina Furtado, na legenda de um vídeo, no qual surge a declamar o poema "Lágrima de Preta".

Veja, agora, o vídeo partilhado por Catarina Furtado.