urlvisit

"Big Brother". Joana Diniz declara-se: "Amo-te como não sabia que existia amor"

Filha de Joana Diniz na SELFIE
Joana Diniz faz novo investimento: "Chama-se a isto amor próprio"
Os conselhos de Joana Diniz para o sexo masculino
Joana Diniz na SELFIE
As melhores imagens de Joana Diniz na SELFIE

Recorrendo ao Instagram, a ex-concorrente do "Big Brother - Duplo Impacto" Joana Diniz partilhou uma declaração emotiva.

Não há dúvidas: Joana Diniz é uma "mãe babada". Através do Instagram, a ex-concorrente do "Big Brother - Duplo Impacto" partilhou uma declaração emotiva, para a filha, Valentina, que completa dois anos, no próximo dia 31.

"Quando decidi ter-te, não tinha noção de que seria caminhar sobre brasas. Eras um sonho, mas, por mais que o desejasse, não seria vivido como o sonhei. Não era sozinha que tinha sonhado, eras e és o resultado de uma grande história de amor. Agora, sei-o, com tranquilidade (a que me faltou durante muito tempo nesta jornada). Foste gerada com o maior amor do mundo - o meu amor chegou sempre para sustentar tudo. Tu sempre foste, desde início, um amor maior. Só sei amar assim...", começou por confessar Joana Diniz, na legenda de uma fotografia ternurenta da pequena Valentina, fruto de uma relação, entretanto terminada, com Igor Sanchez.

A ex-concorrente do reality show da TVI assumiu, ainda, que o percurso na maternidade tem sido difícil: "O mundo desabou, foste o percurso mais difícil, instável, medonho, revoltante, tudo numa barriga só... mas sempre foste mais amor. Tinha tanto medo de falhar, não me via capaz, sentia-me frágil, e a desmoronar, e devia estar feliz, a preparar a tua chegada... Hoje, olho para ti e é-me quase difícil recordar que já foi dor. És tão, mas tão a batida do meu coração que não me lembro de ele bater sem ti, não me lembro de ser sem ti, és o meu sorriso do nada, o meu orgulho, o meu coração fora do peito e fazes-me tão, mas tão feliz."

"Filha, o que é bom não é fácil, o que é caro custa... Passava 1000 vezes o que passei (e passar uma fez-me querer morrer, tamanha era a dor), mas passava-o 1000 vezes, de novo... Porque a tua existência pode bem ser o preço da minha respiração, que eu pago sem pestanejar. 'Da maior dor, podemos tirar a pedra mais preciosa' e tu és a minha fortuna. Amo-te como não sabia que existia amor", terminou Joana Diniz.

Veja, agora, a imagem ternurenta da filha bebé de Joana Diniz, na galeria de fotografias que preparámos para si.