urlvisit

Após "um mês de luto", viúvo de Maria João Abreu revela coincidência

Maria João Abreu e João Soares na Selfie
João Soares dedica música a Maria João Abreu: "Espelha o que trago dentro do coração"
Maria João Abreu em vídeo ternurento com os netos
Maria João Abreu na Selfie

João Soares, viúvo de Maria João Abreu, voltou a prestar uma homenagem emotiva à atriz e, desta vez, revelou uma coincidência impressionante.

Completa-se este domingo, dia 13, um mês desde que faleceu Maria João Abreu. Através do Instagram, João Soares, viúvo da atriz, assinalou esta data nostálgica.

"Faz, hoje, um mês. Um mês sem ti. Um mês de vazio. Um mês de luto. E um mês de luta! De luta para encontrar sentido nesta vida longe de ti. Para encontrar uma explicação que conforte. Que acalme. Que traga paz. Pelo menos, alguma. Mas ainda não… ainda não encontrei… nada…", começou por desabafar João Soares, na legenda de uma fotografia antiga do casal.

De seguida, o músico revelou uma coincidência impressionante: "Hoje, um mês depois da tua partida, é o dia do 'teu' santo. Dia de Santo António. Daquele a quem pediste o amor. A quem pediste o amor, sem saber que viria a ser eu. Daquele a quem te me entregou… Daquele que nos uniu… E me soprou com a maior das sortes: partilhar a vida contigo. Da forma intensa que ambos gostamos. A única que conhecemos e sabemos. E que sorte tive! Que sorte eu tive!"

"Quase 13 anos juntos… para agora nos apartarem, tão abrupta e violentamente. E valeu a pena?… Sim! Óbvio que sim. Todos os nanosegundos… mas todos mesmo! As coisas boas, eram boas. Claro. Mas até as coisas más eram boas, também. Porque havia amor. Havia sempre amor. Um amor que saía delas mais forte. Rejuvenescido. Incondicional. Intemporal. Eterno", declarou-se João Soares.

"Minha João. Meu amor. A saudade aumenta. A dor aumenta. E o amor permanece. A crescer. Ainda a crescer. Sempre. Como sempre. Para sempre. 13 de maio, dia de Nossa Senhora de Fátima. 13 de junho, dia de Santo António. 13 anos juntos", completou.