urlvisit

Maria Vieira ataca José Carlos Malato: "Lamentamos muito as tristes e deprimentes figuras"

Maria Vieira na Selfie
José Carlos Malato na SELFIE

Após José Carlos Malato ter criticado a presença de um jovem fadista no jantar pré-eleitoral de André Ventura, Maria Vieira recorreu às redes sociais para atacar o apresentador.

"O 'apresentadeiro' Malato lamenta que um jovem fadista tenha exercido a sua profissão durante um evento para o qual foi legitimamente convidado", começou por escrever a atriz, referindo-se às palavras do apresentador, que intitulou de "triste fado" a atuação do jovem fadista Gustavo Pinto Basto, no jantar de apoio ao candidato presidencial e líder do "Chega", André Ventura.

Maria Vieira decidiu, então, criticar José Carlos Malato: "O 'apresentadeiro' Malato, que, há anos, chupa o dinheiro público que os contribuintes portugueses são obrigados a entregar á RTP para o sustentar, lamenta que um artista ganhe a sua vida, de forma honesta e sem viver à conta do dinheiro suado pelos outros. O 'apresentadeiro' Malato, a quem não se reconhece qualquer tipo de talento ou de competência profissional, lamenta que um jovem fadista talentoso cante para uma audiência que pagou, do seu próprio bolso, para o ouvir cantar."

"Já eu e milhões de portugueses lamentamos muito as tristes e deprimentes figuras que o 'apresentadeiro' Malato gosta de fazer nas 'dancetarias' que ele costuma frequentar, em Espanha e sabe-se lá mais onde, exibindo 'panoramas anatómicos' capazes de revolver o estômago de uma osga ou de fazer saltar as órbitas de uma iguana de Guadalajara", acrescentou.

Maria Vieira continuou com as duras criticas, terminando com as seguintes palavras: "Triste sina a nossa, termos que sustentar estes 'apresentadeiros' com o dinheiro que tanto nos custa a ganhar, esta triste gente que é impingida ao povo português, que se arrasta nas pantalhas do nosso descontentamento e que regurgita declarações patéticas só para agradar àqueles que, ao fim do mês, lhes assinam os recibos do seu gordo vencimento..."