urlvisit

Rui Maria Pêgo fala sobre homossexualidade: "A reação dos meus pais foi de medo"

Redação
Rui Maria Pêgo na Selfie
Rui Maria Pêgo celebra Dia Internacional da 'Saída do Armário'
"A tua mãe deve ficar triste com as tuas figuras": Rui Maria Pêgo é criticado e responde à letra!
Rui Maria Pêgo abre o seu coração a Fátima Lopes
Rui Maria Pêgo é o convidado de Fátima Lopes no próximo "Conta-me Como És"

O radialista Rui Maria Pêgo teve uma conversa emotiva com Manuel Luís Goucha, no programa "Conta-me".

Na emissão deste sábado, dia 31, do programa "Conta-me", Rui Maria Pêgo fez uma retrospetiva da sua vida pessoal e profissional.

Um dos temas abordados foi a homossexualidade do radialista. Rui Maria Pêgo, agora com 31 anos, contou que decidiu contar aos pais que era gay, aos 19, após Júlia Pinheiro, mãe do, também, ator, se ter apercebido de que o filho não estava bem.

"O grande problema dela era o que é que me aconteceria. [...] A reação dos dois foi de medo e de irritação por eu não ter dito mais cedo", recordou Rui Maria Pêgo, fazendo referência ao pai, o radialista Rui Pêgo.

Além disso, o comunicador confessou ter tido receio de ser despedido, quando assumiu publicamente a homossexualidade, porque trabalhava na rádio de um grupo de media católico, o grupo Renascença.

"Não houve dúvidas nenhumas sobre a minha continuidade", garantiu Rui Maria Pêgo, que trabalha, atualmente, na Rádio Comercial.

Veja, agora, na íntegra a entrevista de Rui Maria Pêgo a Manuel Luís Goucha, no programa "Conta-me".