Conta-me

Manuel Serrão garante: "Posso ter-me excedido, mas não me arrependo"

O comentador desportivo Manuel Serrão teve uma conversa com Maria Cerqueira Gomes, no programa "Conta-me", e fez uma retrospetiva de vida.

Na emissão deste sábado, dia 10, do programa "Conta-me", Manuel Serrão, de 61 anos, falou sobre a vida pessoal e profissional.

O comentador desportivo começou por recordar que tinha apenas sete anos, quando saiu do Porto para viver em Lisboa com o padrinho. Dessa maneira, Manuel Serrão ficou separado dos pais e dos irmãos. "Se calhar, deu-me uma independência e uma capacidade de aceitar a distância das pessoas de quem eu gosto. Provavelmente, não teria tido essa capacidade, se tivesse ficado sempre em casa", afirmou.

Embora tenha completado o curso de Direito, foi na televisão que Manuel Serrão se deu a conhecer a todo o país. "A fama, por um lado, tirou-me a privacidade. Logo no início, não convivia bem com isso. Incomodava-me muito. Posso ser exuberante com os meus amigos, mas, no geral, sou discreto. Mas também trouxe bem-estar", reconhece o empresário.

Após admitir que, no universo televisivo, tanto tem amigos, como inimigos, Manuel Serrão garantiu que não se arrepende de nada, inclusive da postura em alguns programas desportivos: "Posso ter-me excedido, mas não me arrependo."

Veja, agora, na íntegra, a entrevista de Manuel Serrão, no programa "Conta-me".

Relacionados