urlvisit

Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz lamentam morte de convidado: "A ajuda chegou tarde demais"

«Ajuda chegou tarde demais, o Adriano faleceu hoje de manhã»
Cláudio Ramos na SELFIE
Maria Botelho Moniz na SELFIE
Apresentação dos novos programas de Manuel Luís Goucha, Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz
Os looks de Maria Botelho Moniz no "Big Brother"

Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz anunciam a morte de Adriano, que foi um dos convidados do programa "Dois às 10", da passada terça-feira, dia 19.

Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz anunciaram, esta quinta-feira, dia 21, a morte de Adriano, que, na passada terça-feira, dia 19, foi um dos convidados do programa "Dois às 10".

"A ajuda chegou tarde demais, o Adriano morreu, esta manhã", lamentou Cláudio Ramos, lembrando parte da história do homem, que recebeu um prémio de 73 mil contos, aproximadamente 400 mil euros, no Totoloto, mas que acabou na miséria.

A história de Adriano chocou a dupla de apresentadores da TVI, que se tinha comprometido a procurar ajuda para que o homem não voltasse a passar fome e frio.

"Eu eu o Cláudio comprometemo-nos a fazer tudo para mudar a vida deste homem, mas a nossa ajuda já não foi a tempo", acrescentou Maria Botelho Moniz, antes de explicar que Adriano sofrera uma paragem cardiorrespiratória, na manhã desta quinta-feira, dia 21.

No final, Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz deixaram um apelo: "Esperamos, sinceramente, que o grito de alerta do Adriano sirva de exemplo para que possamos olhar para o lado e perceber que aquele silêncio quer dizer muita coisa."

Veja, agora, o vídeo com o anúncio de Cláudio Ramos e Maria Botelho Moniz sobre a morte de Adriano.