Entrevistas

Mastiksoul radiante com conquista: "Foi uma surpresa enorme"

A SELFIE esteve à conversa com o DJ Mastiksoul, que nos contou todos os detalhes dos projetos que tem em mãos.

Fernando Figueira, mais conhecido como Mastiksoul, lançou, no final do mês de julho, uma festa inovadora, na discoteca Lick, no Algarve.

Trata-se do evento "Baile de Favela", mas as boas notícias não se ficam por aqui. O DJ prepara-se, também, para lançar, na próxima sexta-feira, dia 26, o novo álbum.

O nome do disco, composto por sete temas, é igual, uma vez que Mastiksoul se desafiou a lançar um álbum e um conceito baseado no mesmo.

A SELFIE esteve à conversa com o artista, que nos desvendou todos os detalhes destas duas novidades.

O "Baile de Favela" do passado dia 30, registou, no Lick, uma das noites com mais público, deste verão. Contava com esse sucesso, logo no primeiro evento?
Foi uma surpresa enorme. Não esperava e estamos a ter imensa procura. Já temos, inclusivamente, três ou quatro eventos marcados para o próximo ano.

Antes de irmos ao álbum, em que consiste a festa "Baile de Favela"?
Apesar do nome ser "Baile de Favela", não é um evento só de funk brasileiro. O conceito do "Baile de Favela" é virado para a alegria, para a festa e isso engloba todos os géneros de música que sejam para se fazer a festa. O objetivo é divertir as pessoas.

Trata-se de um conceito de verão ou os seus fãs podem contar com esta festa em outras alturas?
Quero que dure muito tempo, não será apenas para o verão.

Qual o segredo para este sucesso?
Como artista, gosto de ter certo tipo de coisas bem feitas: gosto de ter uma organização bonita, gosto de ver uma boa decoração. Foquei-me bastante na parte musical e na decoração da festa. Temos um papagaio com cinco metros de largura. Não é a melhor decoração do mundo, não é isso que estou a querer dizer, mas é algo diferente. As pessoas deixam-se levar pelo ambiente. Mandámos fazer cassetes old school com o nome da festa, há insufláveis enormes, temos duas cabeças de tucano enormes, que ainda custaram uma nota (risos), por onde saem confettis e CO2. Largámos, nessa festa, cerca de 50 quilos de confettis. Até eu ficava especado a olhar para aquilo. Estamos a falar de algo fora de normal. Nisto, ainda metemos o álbum pelo meio.

Já tem passado músicas do álbum na festa?
Sim e uma delas está a ter uma aceitação brutal. A malta abre mesmo uma roda e fica uma festa à séria. A aceitação e a reação do público, ouvindo a música, é quase imediata. E isso não é normal, porque a maioria das pessoas é mais retraída quando, ainda, não conhece as músicas. Eu meto aquilo a tocar e é como se já conhecessem aquilo há muitos anos (risos). Foi a última música que fiz, do álbum, e acabei aquilo um dia ou dois, antes da festa.

Como se chama essa música em questão?
"Tudo Louco" e fica mesmo tudo louco (risos). Uau!

Depois de dois anos marcados pela pandemia, acha que este tema, "Tudo Louco", acaba por ser a cereja no topo do bolo?
Acredito muito nisso. No passado, as minhas festas tinham sempre muita energia associada a elas, e fico feliz pelo facto de as pessoas estarem com saudades de me ver e ouvir tocar. Mesmo muito! As pessoas estavam com saudades de fazer a festa e de se divertirem um bocado, até porque, ainda, estamos a viver uma parte social complicada. A malta está, ainda, a tentar recuperar aquilo que perdeu durante a pandemia e aquilo que eu posso fazer, socialmente falando, é fazer a festa. Procuro, com o "Baile de Favela", devolver-lhes isso e fazer com que todos dancem e riam. Isto é o nosso "bebé", queremos mesmo que a coisa funcione.

Qual o seu sonho, enquanto DJ?
Sonho? Ter um evento meu e o "Baile de Favela" é o nascimento do meu evento, estou a começar a ver a luz ao fundo do túnel. Estou muito feliz. Artisticamente falando, queria muito ter um conceito meu, uma festa minha, ao fim destes anos todos. Não vou mentir, estar na Altice Arena, por exemplo, com aquilo tudo decorado, 1000 quilos de confettis (risos), uma alegria brutal, toda a gente a dançar, pequeninos, malta mais velha, é o meu sonho!

Oiça, aqui, em exclusivo, o novo álbum de Mastiksoul, que será lançado no próximo dia 26!

Relacionados