urlvisit

"A Pipoca Mais Doce" sai em defesa de Bernardo Silva: "Racismo?"

"A Pipoca Mais Doce" compila críticas adolescentes... e acaba a dar lição de português
"A Pipoca Mais Doce" sobre ser mãe prematura: "Foi a experiência mais dura na minha vida"
Blogs do Ano: "A Pipoca Mais Doce" confessa que aprendeu a lidar com os comentários negativos
A Pipoca Mais Doce mostra luta para regressar à boa forma após a gravidez
A Pipoca Mais Doce foi novamente mãe

Depois de Bernardo Silva ter sido acusado pela Federação Inglesa de Futebol de conduta imprópria e ofensiva para com o colega de equipa Benjamin Mendy, Ana Garcia Martins saiu em defesa do jogador.

avançado do Manchester City publicou um tweet, com a imagem em criança de Benjamin Mendy, colega de equipa e amigo desde os tempos em que ambos jogavam no Mónaco, acompanhado da ilustração do boneco característico da marca de chocolates Conguitos, com a pergunta "adivinhem quem é?". A publicação gerou polémica e constitui, agora, uma violação agravada códigos de conduta, por "incluir referência, expressa ou implícita, à raça e/ou cor e/ou origem étnica".

Tendo em conta a situação, "A Pipoca Mais Doce não se mostrou indiferente à situação e escreveu o seguinte texto, nas redes sociais: "Há uns tempos o Bernardo Silva partilhou esta imagem em que comparava o seu amigo e colega de equipa, Mendy, a um Conguito. Caiu o Carmo e a Trindade, ai que isto é racismo puro e duro, ai que temos de fazer alguma coisa. À conta de uma brincadeira a que o próprio amigo achou graça - porque são amigos e fazem piadas um com o outro - o Bernardo Silva incorre agora numa suspensão de SEIS jogos." 

"E eu juro que já dei aqui várias voltas ao cérebro e não consigo perceber onde é que está o racismo neste caso. Já discuti isto com algumas pessoas que se limitaram a usar o argumento “se não percebes então o problema é teu”. Não digo que não seja, mas não vejo mesmo onde é que está o racismo na comparação de uma pessoa negra a um desenho animado negro", acrescentou a humorista.

"Para mim, o Conguito é só um boneco fofinho e que me traz boas memórias de infância, mas se calhar tem uma qualquer mensagem obscura que me está a escapar (e espero não ser processada por ter usado o termo “obscuro” neste caso). Se uma amiga negra comparasse uma foto minha a uma Barriguita/Navegante da Lua/Pinipon/Olívia Palito também era racismo? Gostava de ter a vossa opinião sobre este caso (desde que isto não se torne num carnaval de insultos ou posições extremadas). Gostava de saber se me está a escapar alguma perspectiva (e admito que possa estar) ou se estamos só todos a passar-nos ligeiramente da cabeça", concluiu.

Recorde-se que a Associação de Combate ao Racismo ‘Kick Out’ pediu para que a FA tomasse medidas e Bernardo Silva apagou quase de imediato o tweet, lamentando que não seja possível "brincar com um amigo". Na carta, enviada na quinta-feira à federação inglesa, Bernardo Silva juntou um depoimento de Mendy, em que o companheiro de equipa no Manchetser City diz não ter ficado ofendido.

Entretanto, o treinador dos citizens, o espanhol Pep Guardiola, defendeu o internacional português, referindo que se tratou de "uma simples piada" entre Bernardo e Mendy, que são grandes amigos, acrescentando ser completamente errado pensar que o tweet tinha conotação racista.