SIC

Luciana Abreu quebra o silêncio, após condenação do ex-marido: "Uma das fases mais complicadas e tristes da minha vida"

Após ser conhecida a sentença do ex-marido, Daniel Souza, Luciana Abreu usou as redes sociais para se manifestar acerca da decisão do tribunal.

"1 de junho de 2022. Esta é a foto que eternizou uma das fases mais complicadas e tristes da minha vida", começou por escrever a atriz, na legenda de uma fotografia, na qual Luciana Abreu surge na companhia das quatro filhas: Lyonce, Lyannii, Amoor e Valentine.

"Um silêncio absoluto, fruto de um medo desesperante, que me consumia, indignava e revoltava. Devo um obrigada às minhas filhas, que nunca deixaram que a criança, cada vez mais ténue que ainda existia em mim, me abandonasse de vez", continuou Luciana Abreu.

"Aos meus pais do coração, obrigada, por me terem levantado sempre que caí. À justiça divina, um glória a Deus. À justiça na terra… peço, com toda a minha coragem e fé, que quem sofre desalmadamente, lute, mova montanhas, mas que não desista. Que denuncie e seja forte, a justiça é a justiça e sempre vencerá... Obrigada, a todos, pelo vosso apoio e mensagens de carinho", rematou a atriz.

Recorde-se que o guia turístico foi condenado, pelo Tribunal de Cascais, na quarta-feira, 1 de junho, a dois anos e dois meses de prisão pelo crime de violência doméstica, com pena suspensa. 

Daniel Souza não se pode aproximar de Luciana Abreu durante dois anos, exceto para tratar de algum assunto relacionado com as filhas que o ex-casal tem em comum: as gémeas Amoor e Valentine, de quatro anos.

Agora, o ex-marido de Luciana Abreu vai ter de cumprir um programa de prevenção de violência doméstica dos Serviços Prisionais e será monitorizado à distância, além de ter sido condenado a pagar à atriz três mil euros de indemnização por danos morais, mais os juros de mora.

Veja, agora, na galeria, a imagem partilhada por Luciana Abreu

Relacionados