Big Brother

Leandro reage a sentença do tribunal, após ser condenado por crime de ofensa à integridade física

O cantor Leandro conheceu esta quarta-feira, dia 13 de julho, a decisão do tribunal no processo movido pela ex-companheira, Sury Cunha.

"Foi, no dia de hoje, lida a sentença no âmbito do processo no qual estava acusado, em co-autoria, de um 'crime de ofensa à integridade física qualificada' e de um um 'crime de furto'. Produzida a prova, nas várias sessões de audiência de julgamento, a Sra. Juiz decidiu, em sentença, condenar-me  por um crime de ofensa à integridade física simples (desqualificando o crime, conforme o Ministério Público defendia na acusação e alegações, e bem como defendiam os assistentes), absolvendo-me do crime de furto" pode ler-se no comunicado que Leandro enviou à SELFIE e que o cantor divulgo na página oficial de Instagram.

"A condenação assentou na confissão de factos por mim assumidos desde o início deste processo, tendo a meritíssima juiz desvalorizado, na apreciação da prova, as declarações dos assistentes e demais testemunhas arroladas pelo Ministério Público e pelos assistentes, designadamente, atento factos ocorridos no decurso do julgamento como, com a inconsistência dos depoimentos dos assistentes, e o facto grave destes terem saído da sala de audiências para falar com testemunhas que aguardavam serem ouvidas, em sede de audiência de julgamento", acusa o cantor, ressalvando: "Exceção feita a uma testemunha, a única de entre cinco testemunhas e assistentes, que, segundo o Tribunal, ajudou a formular a convicção na forma como os factos se passaram, mas que, no meu entendimento e da minha defesa, também apresentou fragilidades no depoimento, pelo que iremos ponderar eventual recurso."

"Relativamente aos pedidos cíveis, um dos assistentes viu o seu pedido indeferido, o outro não viu seu pedido integralmente satisfeito", rematou Leandro no comunicado.

Já em declarações à SELFIE, o cantor confessou que, ao ouvir a sentença, se sentiu "tranquilo". "Admito que, desde o princípio, tinha mostrado a diferença de ameaçar um homem de família. Teve o que procurava pelas ameaças de que fui alvo durante muito tempo", frisou o cantor, antes de salientar: "Como pode ler, fui condenado a uma pequena multa por ter cometido um crime de ter andando à bulha com alguém."

Dedicado "à carreira e aos concertos", Leandro lançou esta quarta-feira, dia 13, um novo tema, "Nada ficará para sempre", e diz que este está a ter "uma aceitação louca". "Estou mesmo feliz por isso!", destacou o cantor que está a preparar um concerto especial para o próximo dia 13 de novembro, no Casino Estoril.

"Será uma grande noite!", garantiu Leandro, que prometeu que irá apresentar "novos temas" e "alguns convidados especiais".

Relacionados