Mãe de Mayorga quebra silêncio sobre fim da acusação de violação contra Cristiano Ronaldo

Igor Pires
Cristiano Ronaldo recebido com euforia no regresso à Juventus
Filho de Cristiano Ronaldo marca golos e detalhe chama a atenção
Aos 9 anos, filho de Cristiano Ronaldo já conduz
Cristiano Ronaldo realiza sonho de menino com cancro
Cristiano Ronaldo visita escola em Singapura

Foi na passada segunda-feira, dia 22, que Cristiano Ronaldo foi ilibado da acusação de violação, feita pela ex-modelo Kathryn Mayorga.

Segundo a publicação Mirror, Cheryl Mayorga, mãe da ex-modelo Kathryn Mayorga, quebrou o silêncio sobre a ilibação de Cristiano Ronaldo da acusação de violação. 

Cheryl Mayorga afirmou que não iria comentar nada neste momento sobre o assunto, porque, na sua opinião, este caso ainda não chegou ao fim. "Isto ainda não acabou", garantiu.

Recorde-se que na passada segunda-feira, dia 22, a Procuradoria de Clark County, nos Estados Unidos, decidiu não acusar Cristiano Ronaldo por violação a Kathryn Mayorga, alegando que as provas contra o futebolista internacional português não são inequívocas.

 A Procuradoria de Clark County, emitiu um comunicado, nas redes sociais, acerca da decisão em que alega que as provas contra Cristiano Ronaldo não são inequívocas: "O Gabinete da Procuradoria de Clark County anunciou ter hoje ter rejeitado a acusação de violação contra Cristiano Ronaldo, por atos ocorridos há 10 anos."

No mesmo documento, o gabinete da Procuradoria avança que, "tendo em conta a informação disponível, as alegações de violação contra Cristiano Ronaldo não podem ser provadas, por não serem inequívocas", pelo que "não serão feitas mais acusações".