Goucha

Judite Sousa lamenta: "Muitos amigos viraram-me as costas. Não aguentaram o peso das minhas lágrimas"

Manuel Luís Goucha recebeu Judite Sousa, no programa "Goucha", para uma conversa única e emocionante.

Judite Sousa, que regressou à televisão em novembro de 2021, após uma paragem de quase três anos, esteve à conversa com Manuel Luís Goucha, na passada quinta-feira, dia 5, no programa "Goucha" e falou sobre a morte do filho, André Sousa Bessa, que aconteceu em junho de 2014, depois de cair, acidentalmente, numa piscina.

A certa altura, a pivô da CNN Portugal foi surpreendida com mensagens de amigos do filho, transmitidas durante o vespertino da TVI.

"Os meus melhores amigos são estes jovens. Muitos amigos, que me acompanhavam há 40 anos, viraram-me as costas. Não aguentaram o peso das minhas lágrimas. Só posso ter piedade em relação a essas pessoas. Voltaram-me as costas quando eu estava doente, com uma depressão grave", lamentou, visivelmente emocionada.

"Um pai ou mãe que perde um filho, entra, inevitavelmente, em depressão. Houve muitas pessoas que não se deram ao trabalho de ir ao Google, pesquisar sobre como uma mulher que perde o seu único filho reage", revelou, ainda.

Judite Sousa afirmou que todos os meses janta com alguns elementos do grupo de amigos do filho.

Mais tarde, a jornalista partilhou, no Instagram, uma fotografia, cuja legenda fala, precisamente, desses encontros. "No jantar (quase mensal) com os amigos do André, que estiveram sempre presentes. Num dos locais mais belos de Lisboa", escreveu.

Veja, agora, a publicação de Judite Sousa, assim como o vídeo da conversa da jornalista com Manuel Luís Goucha.

Caso esteja a sofrer de algum problema psicológico, tenha pensamentos autodestrutivos, ou sinta necessidade de desabafar, deverá recorrer a um psiquiatra, psicólogo ou clínico geral, podendo, ainda, contactar uma das seguintes entidades:

- Conversa Amiga (entre as 15h e as 22h) - 808 237 327 (número gratuito) e 210 027 159

- SOS Voz Amiga (entre as 16h e as 24h) - 213 544 545

- Telefone da Amizade (entre as 16h e as 23h) – 228 323 535

- Telefone da Esperança (entre as 20h e as 23h) - 222 030 707

- SOS Estudante (entre as 20h e a 1h) - 239 484 020

Relacionados