Goucha

Joana Machado Madeira: "Fui várias vezes para o hospital, com as sovas que ele me dava"

A mulher do ator Eduardo Madeira, Joana Machado Madeira, esteve à conversa com Manuel Luís Goucha, no programa "Goucha", da TVI.

Joana Machado Madeira recordou, não controlando, por diversas ocasiões, as lágrimas, a difícil infância que teve, em conversa com Manuel Luís Goucha, no programa "Goucha", da TVI, que foi para o ar na passada segunda-feira, dia 13.

Quando tinha cinco anos, os pais da atriz separaram-se e, segundo contou, Joana Machado Madeira nunca mais viu o pai.

"A partir do momento em que eles se separam, nunca mais o vi. A última memória que tenho dele é a do momento em que a minha mãe me leva para o ver a última vez. Ele vira as costas e vai-se embora. O meu pai não me fez falta, porque eu tinha a minha mãe", começou por dizer, visivelmente emocionada.

Entretanto, a mãe conheceu outra pessoa, com quem viria a ter outro filho, Manuel. Porém, nem tudo foi um mar de rosas. "Ele, para conquistar a minha mãe, tratou-me bem. A partir do momento em que o meu irmão nasceu, eu já não era mais daquela família", lamentou.

"Eu nunca contei isto… o pai do Manuel foi uma pessoa que nunca me tratou bem, cheguei a ir várias vezes para o hospital com as sovas que ele me dava e, depois, tinha que dizer que caía", contou Joana Madeira, enquanto as lágrimas lhe caíam pelo rosto.

"Foi horrível, tive que andar na CPCJ, em psicólogos", continuou.

A mãe da atriz estava a par de tudo o que acontecia, mas nada conseguia fazer. Porém, mais tarde, as duas saíram da casa do padrasto de Joana Machado Madeira, quando esta já tinha 17 anos. "Cresci e comecei a revoltar-me. Ele não tinha que me bater", frisou.

Com 18 anos, a mulher de Eduardo Madeira mudou-se para Lisboa, com a ambição de ser atriz.

"Agora percebo, Joana, por que queres fazer rir as pessoas", revelou o apresentador.

"São coisas que já... acho que consegui apagar tudo", terminou a artista.

Veja, agora, o vídeo do momento em que Joana Machado Madeira recorda a infância difícil.

Relacionados