urlvisit

Jessie J revela que sofreu aborto. "Decidi ter um filho sozinha"

A cantora Jessie J fez um emotivo desabafo, no Instagram, após ter sofrido um aborto.

Antes de subir ao palco para um concerto, Jessie J revelou, num longo e emotivo desabafo, que sofreu um aborto.

"Ontem, de manhã, estava a falar com um amigo e a dizer: 'A sério, como vou fazer o espetáculo em Los Angeles, amanhã, à noite, sem contar ao público que estou grávida?'. Ontem, à tarde, estava com medo de fazer o espetáculo sem desabafar... depois de fazer a ecografia e me dizerem que não havia batimentos cardíacos", começou por revelar a cantora , de 33 anos.

"Esta manhã, Sinto que não tenho controlo das minhas emoções. Posso arrepender-me de publicar isto. Ou não. Na verdade, não sei", Continuou Jessie J, antes de assegurar: "O que sei é que quero cantar esta noite. Não porque estou a evitar a dor ou o processo, mas porque sei que cantar, esta noite, vai ajudar-me. Fiz dois espetáculos em dois anos e a minha alma precisa disto. Ainda mais hoje. Sei que algumas pessoas vão pensar que deveria simplesmente cancelar. Mas, neste momento, tenho clareza de muita coisa. Comecei a cantar quando era jovem pata ter alegria, para preencher a minha alma e como terapia de amor próprio, isso nunca mudou e eu tenho que processar isto à minha maneira."

"Quero ser honesta e verdadeira e não esconder o que estou a sentir. Mereço isso. Quero ser o mais eu mesma possível neste momento. Não apenas para o público, mas para mim e para o meu bebé que fez o melhor", continuou, antes de revelar: "Decidi ter este filho sozinha. Porque é tudo o que sempre quis e a vida é curta. Ficar grávida foi um milagre por si só e uma experiência que nunca esquecerei e sei que terei novamente. Ainda estou em choque, a tristeza é avassaladora. Mas sei que sou forte e que vou ficar bem."

No final, a cantora deixou uma mensagem para os "milhões de mulheres em todo o mundo" já sentiram a mesma dor: "Sinto-me conectada com vocês, com quem conheço e com quem não conheço. É a sensação mais solitária do mundo. Então, vejo-vos hoje à noite em Los Angeles. Posso contar menos piadas, mas o meu coração estará lá."