VIRGEM - O Louco

O Louco pelo facto de não ter número (lâmina 0) representa a liberdade absoluta, a sorte em potencial, o princípio ou o fim - o alfa e o omega. 

No Tarot, figura o início do Percurso, a caminhada que todos temos de fazer. Na imagem vê-se um ser andrógino em movimento, com uma expressão despreocupada e decidida e carrega consigo apenas uma pequena trouxa - o Dharma, o que ele ja fez, o que já alcançou e o que ele vai fazer, vai realizar, vai aperfeiçoar.

O que esta semana ele quer dizer é que se deve aperceber que faz parte de um Todo, de vários Universos, e que um dia vai ser uma das estrelas que brilham no firmamento. Tudo, todas as questões que tanto a/o preocupam perdem dimensão e impacto, e dissipam-se nesta imensidão e grandeza. Sim, é reduzir as nossas preocupações às suas reais proporções - a maioria delas é vã. 

Andamos anos e anos agarrados a situações que não têm importância nenhuma - do passado, do presente e do futuro -, perdemos tempo com sentimentos pequenos, como a inveja, a raiva, numa escala mais grave, ao ódio e, afinal, nós somos tão melhores do que isso… somos mesmo! Nós somos melhores do que imaginamos. Poucos são aqueles que se conhecem verdadeiramente, o que sabem de si é o que ouviram dos pais, dos amigos, dos professores, etc. Concorda comigo?

O Louco pede que se eleve, que estabeleça contacto com o seu Eu Superior, com a sua consciência elevada. Que veja de cima, que analise de longe o que a/o preocupa. Será assim tão grave? Se for, foque-se nas soluções e não na própria questão/problema. 

Nesta fase é natural que sinta que está tudo em aberto, que está numa fase em que tudo pode acontecer e que tem inúmeras alternativas. Antes isso do que não ter nenhuma! Viva a variedade e as opções. Faça escolhas em consciência e viva-as. Vá, dê um passo em frente. Hoje? Sim, hoje. 

Está na altura ideal para fazer uma sessão comigo. Encontra-me aqui no Tarot de Ísis By Vera Xavier.

Já me acompanha no Instagram?

Últimas

Mais Últimas

Mais Lidas

Patrocinados