Sara Matos arrasada por Catarina Matos: "Tão pouco empática, novinha, imberbe"

Sara Matos e Pedro Teixeira cada vez mais apaixonados
Sara Matos e Pedro Teixeira cada vez mais apaixonados
Sara Matos revela talento para a música
As férias românticas de Pedro Teixeira e Sara Matos em Itália
As mini-férias de Pedro Teixeira e Sara Matos

A atriz Catarina Matos, que regressou, recentemente, à representação, não gostou de uma atitude de Sara Matos, pelo que resolveu escrever sobre isso, nas redes sociais.

"Não gravava para televisão desde 'A Única Mulher' na TVI, pelo que me soube pela vida. Três anos sem qualquer 'confronto' com uma câmara! Pude finalmente interpretar uma mulher que não é fraca, nem maternal, nem resignada (ao invés das que venho interpretando há mais de 25 anos). [...] Não interpretei 'sentada no sofá' ou 'atrás do balcão': andei, soquei, fugi... Pude mudar a minha voz! Pena que este papel (pequenino, mas lindo!) tenha vindo numa altura em que eu já tinha desistido desta carreira de atriz, em que o meu corpo já é (à vista) só gordura e peso", começou por escrever Catarina Matos, no Facebook.

No entanto, e apesar de ter ficado muito feliz com esta participação, a atriz resolveu relatar o que sentiu ao trabalhar com Sara Matos: "Vi a protagonista da novela - Sara Matos - ensinar-me sobre posicionamento de câmaras, ações físicas, e demais interpretações de cenas! Tudo fiz para me aproximar dela! Quase me fez sentir obsoleta, não fosse ser tão pouco empática, novinha, imberbe... e eu velha (e já tendo estado na sua posição!) a sentir-me agonizada."

A publicação de Catarina Matos esteve na ordem do dia e a namorada de Pedro Teixeira não gostou do que leu. Como tal, terá telefonado à colega, para resolver o sucedido.

Catarina Matos, que interpretou a personagem Isaurinha na novela "A Única Mulher", partilhou com os seguidores o conteúdo da conversa que teve com Sara Matos : "Não foi minha intenção magoar ninguém. [...] Hoje, recebi um telefonema da Sara Matos (fiquei embasbacada!). Chamou-me à atenção para o facto de ser figura pública e das repercussões do meu post. [...] Pedi-lhe desculpa (do coração!). Ela também me pediu desculpa pelo seu comportamento no dia da gravação. A Sara disse-me que não foi um dia bom. [...] Obrigada, Sara Matos, pelo telefonema. Não esperava. Foi um ato muito bonito! Peço imensa desculpa. Obrigada, Sara. Continuação de bom trabalho."