Concorrente de "Casados à Primeira Vista" detido durante o programa

George Roberts, concorrente da atual edição britânica de "Casados à Primeira Vista", foi detido após denúncias por parte de ex-namoradas.

Três ex-namoradas de George Roberts, concorrente da edição britânica de "Casados à Primeira Vista", denunciaram o consultor financeiro, após o terem visto a participar no reality show.

As mulheres, que denunciaram comportamentos agressivos, controladores e coercivos, decidiram apresentar queixa na polícia, quando se aperceberam de que este iria entrar no programa.

A polícia confirmou a detenção do concorrente de "Casados à Primeira Vista", em comunicado: "Um homem de 40 anos foi detido em Worcestershire, na quinta-feira, 29 de setembro, por suspeita de controlo e comportamento coercivo. Foi levado para uma esquadra da polícia e saiu em liberdade, enquanto se aguardam mais inquéritos."

"Já havia boatos, mas, agora, que a polícia está envolvida, muitos dos envolvidos no programa pensaram que eles teriam de o tirar do ar ou, pelo menos editá-lo novamente. Está a transformar-se num pesadelo para o canal, que não conhecia as acusações do seu passado", contou uma fonte ao The Sun, referindo-se ao facto de, já após a detenção de George Roberts, ter sido transmitido um dos episódio do programa pré-gravados.

A situação está a causar polémica no Reino Unido e April Banbury, a esposa do concorrente e antiga miss Reino Unido, estará em choque com as alegações e a ser acompanhada pelos terapeutas do programa. "Ela não quer voltar a vê-lo", afirmou, ainda, uma fonte próxima ao referido jornal.

Através dos representantes, Geeorge Roberts, que tem quatro filhos, já veio negar as acusações.

Relacionados

Patrocinados