Marcelo Rebelo de Sousa em "digressão" de banhos e selfies

Ana Albernaz com Lusa
Os banhos e as selfies: as férias de Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa condecora Luísa e Salvador Sobral
Marcelo Rebelo de Sousa na Selfie
Marcelo Rebelo de Sousa está de parabéns

De férias, Marcelo Rebelo de Sousa tem aproveitado para ir a banhos nas praias fluviais das diferentes zonas afetadas pelos incêndios do ano passado.

Acarinhado pelos portugueses, o Presidente da República tem sido muito solicitado para tirar selfies e fotografias e não se tem cansado de distribuir beijinhos e abraços.

Marcelo Rebelo de Sousa aproveitou, ainda, para fazer um apelo aos portugueses de lhe seguirem o exemplo e visitarem as zonas afetadas pelos incêndios de 2017.

"Agora, tem que continuar. Temos que levar mais longe o turismo. Nesta região, o turismo tem hipóteses espetaculares no futuro", frisou, considerando que tem encontrado "muitas pessoas" que se deslocam até aos territórios afetados pelos incêndios de 2017 "por um impulso de consciência", sendo que "dois ou três casais" confidenciaram-lhe que tinham ido até àquela zona por sua causa.

Depois de visitar Penela na segunda-feira, onde foi a banhos e provou queijo, e de ter na terça-feira estado na Praia das Rocas e numa praia fluvial de Pampilhosa da Serra, o périplo de Marcelo Rebelo de Sousa pela região termina na quarta-feira, com uma passagem pelos concelhos de Pedrógão Grande e Figueiró dos Vinhos, novamente à procura dos sinais da tentativa de normalização de uma terra ainda marcada pelas árvores mortas de pé, mas onde o verde já desponta em cada monte.