Comovido, Fernando Mendes revela: "Tive um pressentimento no dia em que a minha mãe morreu"

Igor Pires
Conta-me como és
Fernando Mendes no "Conta-me Como És"
Emanuel no "Conta-me Como És"
Diogo Morgado no "Conta-me Como És"
Ricardo Ribeiro no "Conta-me Como És"

O ator e apresentador Fernando Mendes foi o convidado do "Conta-me como És" deste sábado e fez revelações sobre o seu percurso pessoal e profissional.

Fernando Mendes foi o convidado deste, dia 8, no programa "Conta-me Como És", da TVI. O carismático apresentador e ator teve uma conversa franca com Fátima Lopes na qual abordou o percurso pessoal e profissional. 

Um dos temas incontornáveis na entrevista foi o falecimento dos pais de Fernando Mendes. O pai do ator e apresentador morreu aos 42 anos, quando este tinha apenas 17. Uma perda que o próprio entrevistado admite que foi complicada, mas que o deixou ainda mais próximo da mãe - Lídia Mendes.

“A minha mãe teve de ser a super mãe e foi a super mãe até há bem pouco tempo”, afirma, lembrando que, depois da morte do pai, Lídia Mendes esforçou-se ao máximo para cuidar dele e dos seus irmãos da melhor forma possível.

“Nunca contei isto, mas posso dizer aqui. Nestes 15 anos a minha mãe teve dois cancros, um AVC e, depois, morreu. E ninguém soube. Tudo isto enquanto eu estava a fazer o programa”, revelou Fernando Mendes, em lágrimas. Recordações que mencionou para sublinhar como as figuras públicas têm de camuflar tantas vezes as emoções, devido à sua profissão.

A mãe de Fernando Mendes faleceu em dezembro de 2018, vítima de doença prolongada. “A minha mãe morreu num dia em que tive um pressentimento. Estava a fazer um programa em direto e quando eu entro ela morre. Parece que ela estava à espera de se despedir de mim”, lembrou, ainda, o ator e apresentador.

(Re)veja a entrevista na íntegra.