EXCLUSIVO

Ricardo de Sá faz revelações à SELFIE: "Amadureci bastante e sinto que cresci imenso"

Ricardo de Sá na SELFIE
Ricardo de Sá na Selfie

A SELFIE esteve à conversa com Ricardo de Sá, para saber mais sobre o novo projeto do cantor:v"Garfield, um musical com gatitude". Em conversa com o, também, ator, ficámos a saber mais sobre o apoio que recebe dos que lhe são mais próximos e o momento feliz que atravessa.

Como é que está a ser fazer o musical "Garfield, um musical com gatitude"?

Está a correr muito bem. Estreamos amanhã, no dia 30 de Novembro, e estaremos no jardim do Casino Estoril até 12 de Janeiro. O grupo é fantástico e o musical é muito cómico. 

O teatro é uma grande paixão?

Claro que sim! Foi onde dei os primeiros passos na representação, e não há nada melhor do que estar no palco perante o público. 

Por que é que as pessoas não podem perder? 

Primeiro, porque é importante ir ao teatro, segundo é um espetáculo familiar e muito divertido. Numa época natalícia, como a que se aproxima, pode ser um ótimo plano familiar, onde existe espaço para os mais velhos e os mais novos. Em terceiro, porque é a primeira vez que o Garfield é apresentado em Portugal, portanto é uma novidade e, também, um motivo de comemoração dos 41 anos de existência do mesmo. Penso que seja uma personagem e uma banda desenhada, ou desenhos animados, que toda a gente conhece. Tenho a certeza que vão adorar e recordar, mais tarde, como um serão feliz e bem passado. 

O que é que podemos retirar desta peça?

Muito sentido de humor, que os amigos e a família são realmente importantes na vida de cada um e que se continua a fazer bom teatro em Portugal e em português. 

Como é que tem sido trabalhar com este elenco? 

Já os conhecia a todos e a maior parte também trabalhou comigo no Saturday Night Fever. O Quimbé será o Garfield, o Diogo Martins será o Jon Arbuckle, o dono do Garfield e também do Odie que será o João Vilas, o cão e o melhor amigo do Garfield e também a Arlene, uma gata que será a Mafalda Tavares. Eu serei o Nermal, o gato mais sexy e fofo que o mundo já viu. 

Quem são os seus maiores críticos? 

O público/fãs e as pessoas que me seguem nas redes sociais. Tento sempre estar atento a tudo o que me enviam. As minhas pessoas mais próximas, também, querem sempre o melhor para mim e, obviamente, tenho em atenção a opinião é críticas construtivas que me dizem. 

Quem é que nunca falta na plateia?

Os fãs, os amigos e a minha família. 

E em que lugar fica a música na sua vida?

A música tem um papel fundamental no meu dia-a-dia, e no meu bem estar. Todos os dias tenho ideias e adoro criar letras/melodias. Tento sempre ter tempo para criar e editar novas músicas originais. Há pouco, lancei a música “Virar a Página”, que está disponível em todas as plataformas. 

O que mudou em si nos últimos anos?

Amadureci bastante e sinto que cresci imenso. Felizmente tenho tido a oportunidade de viver muitas experiências. Uma das que mais me marcou foi um filme e uma série que fiz e que vai estrear em breve, chamada “Terra Nova”. A cada ano que passa, tenho mais certezas de que sou um artista que se completa ao conseguir fazer tudo: televisão, cinema, teatro e música. 

E no campo do amor? Sabemos que mantém uma relação estável. Casar e ter filhos faz parte dos planos? 

Sim, estou mesmo muito feliz.