Internacional

Acusado de atropelar ex-mulher, Eduardo Salvio é procurado pela polícia

O futebolista Eduardo Salvio está a ser procurado pela polícia, acusado de ter atropelado a ex-mulher, após uma discussão conjugal.

Eduardo Salvio está a ser procurado pela polícia. Segundo a denúncia, Magali Aravena viu o ex-jogador do Benfica com outra mulher e meteu-se à frente do carro onde o marido seguia.

O Diário Olé noticia que o jogador colocou, de imediato, a viatura em marcha e abandonou o local.

A ex-mulher do futebolista do Club Atlético Boca Juniors ficou com lesões e acabou por ser transportada para o hospital.

"Na data, hora e local indicados, a equipa de intervenção foi deslocada para o local devido a uma mulher atropelada pelo companheiro, que fugiu. A queixosa diz ser esposa do Sr. Eduardo Antonio Salvio há 10 anos, e que, em consequência da relação, tiveram dois filhos", pode ler-se na queixa, conforme cita o site Tyc Sports.

"Há uma semana decidiram separar-se e a testemunha e os filhos saíram de casa para morar noutro apartamento. Que na data, aproximadamente às 00:50 horas, com a intenção de falar com o companheiro, dirigiu-se à casa conjugal e, ao chegar ao local, observou o marido acompanhado por outra senhora no seu carro; colocou-se em frente ao carro em questão, pedindo-lhe para falar, momento em que o Sr. Salvio, com a intenção de sair do local, começa a avançar", acrescenta o documento das autoridades.

"A testemunha foi atingida com a roda dianteira do veículo na perna direita, caindo no asfalto, o que lhe causou uma escoriação no joelho direito, visível à investigação, situação aproveitada pelo Sr. Salvio, para fugir do local. Foi atendida por uma ambulância e avaliado um trauma de flexão em membro inferior direito", rematam as autoridades.

Entretanto, foram divulgadas imagens do momento do alegado atropelamento.

Recorde-se que Eduardo Salvio e Magali Aravena anunciaram a separação no fim de 2020. O casal acabaria por se reconciliar pouco tempo depois.