José Castelo Branco apresenta-se em tribunal para responder por acusação de furto

José Castelo Branco foi detido, na quarta-feira, no aeroporto de Lisboa, acusado de ter roubado um perfume.

José Castelo Branco já chegou ao tribunal, onde vai ser ouvido esta manhã, dia 12 de dezembro, após ser acusado de roubar um perfume.

O marchand d'art ficou retido no aeroporto de Lisboa, na quarta-feira, depois de ter sido acusado, por uma funcionária de uma loja, de roubar um perfume, sendo impedido de embarcar para Nova Iorque, nos Estados Unidos.

À chegada ao tribunal, José Castelo Branco falou aos jornalistas presentes, mas escusou-se a dar explicações: "Foi uma experiência maravilhosa. Conheci polícias maravilhosos. Gente divina."

Patrocinados