Cristiano Ronaldo sujeito a testes de ADN

Cristiano Ronaldo na Selfie
"Der spiegel" diz que advogados de Ronaldo eliminaram respostas incriminatórias
Jasmine Lennard faz acusações a Cristiano Ronaldo
José Andrade, padrasto de Cristiano Ronaldo, na Selfie
Cristiano Ronaldo eleito o melhor jogador do ano na cerimónia dos Globe Soccer Awards

No decorrer das investigações do caso de Las Vegas, no qual Cristiano Ronaldo é acusado de abuso sexual, por parte de Kathryn Mayorga, as autoridades solicitaram um teste de ADN ao jogador, segundo avançou o TMZ.

Estes testes integram, regularmente, uma investigação desta natureza e, ao que tudo indica, o internacional português irá realizar o procedimento, já que, até à data, se tem mostrado cooperante face aos pedidos das autoridades.

Recorde-se que o futebolista foi acusado de abuso sexual, referente a junho de 2009, por parte da norte-americana que alega ter sido abusada sexualmente por CR7, num hotel em Las Vegas. Segundo as acusações, Cristiano Ronaldo terá obrigado Mayorga a praticar sexo anal e ter-lhe-á pago 325 mil euros pelo silêncio. 

O caso já tem tido inúmeros desenvolvimentos, e, nas mais recentes notícias, houve, ainda, uma alegada ex-namorada do filho de Dolores Aveiro, Jasmine Lennard, que terá namorado com o jogador da Juventus há 11 anos, e que teceu duras acusações a Cristiano Ronaldo, acusando-o publicamente de ser um "psicopata" e de continuar a receber mensagens com ameaças de morte.