EXCLUSIVO

Mónica Jardim: "Nunca tivemos tanta vontade de beijar ou abraçar os nossos"

Redação
Mónica Jardim: "Nunca tivemos tanta vontade de beijar ou abraçar os nossos"
Mónica Jardim assume: «Gosto mais de mim com 44 anos do que com 34»
Uma viagem pelas memórias de Mónica Jardim
Mónica Jardim em São Tomé e Príncipe
As melhores imagens de Mónica Jardim no "Dança com as Estrelas"

A SELFIE desafiou Mónica Jardim a revelar qual será a primeira pessoa que vai querer abraçar e beijar quando esta pandemia do coronavírus terminar.

"Nunca, antes, tivemos tanta vontade de beijar ou abraçar os nossos amigos e familiares. As primeiras pessoas que eu vou querer beijar e abraçar são, sem dúvida, os meus pais. Tenho a sorte de tê-los vivos e serão eles os primeiros esborrachados com beijos, abraços e muitos amassos", começou por contar a apresentadora.

"É curioso como, antes desta epidemia surgir, todos nós dizíamos: 'Menos tecnologia e mais família'... Pois bem, agora, nos tempos que correm, é esta mesma tecnologia que nos aproxima", destacou Mónica Jardim.

A apresentadora deixou, ainda, uma mensagem para os leitores da SELFIE: "Espero que estejam bem, mas, sobretudo, que estejam a cumprir todas as recomendações dadas pelas várias autoridades de saúde: respeitar o isolamento social; lavar, sempre, as mãos, mas, sobretudo, ficar em casa.