urlvisit

Caetano Veloso critica quem não respeita a quarentena no Brasil: "Não é para ver bares e praias cheias"

O cantor brasileiro Caetano Veloso não se mostrou indiferente à situação de crise do país, pedindo aos fãs que cumpram o isolamento social e respeitem as Saúde Pública.

Parece que as pessoas não entenderam claramente que é necessário que se tome uma atitude de quarentena. Que as pessoas procurem evitar a aglomeração. [...] É preciso lavar as mãos, antes e depois de qualquer atividade que você pratique”, começou por dizer.

“Não é para ver bares cheios, praias cheias e que as crianças, ao invés de ir para as escolas, vão para os parques e fiquem juntas com outras pessoas. Se suspenderam as aulas é para haver recolhimento", continuou

"A ideia é de quarentena, os meus shows, por exemplo, eu adiei por causa disso. Adiei porque é absurdo. [...] É preciso evitar isso com clareza e também com responsabilidade", conclui, mostrando que tem seguido os conselhos do governo, para evitar a propagação da pandemia do novo coronavírus.

Assista, agora, ao alerta do cantor, abaixo.